<
>

Atlético-MG: Sampaoli tem data definida para entregar casa onde mora à imobiliária e deixar o clube, diz rádio

play
Nacho Fernández, a caminho do Atlético-MG, chora em despedida do River Plate ao lembrar elogios de Maradona (0:35)

Atleta foi chamado de 'melhor jogador do futebol argentino' e não conteve a emoção (0:35)

Jorge Sampaoli está com os dias contados no Atlético-MG. Depois da confirmação que o treinador usará o valor de premiação de R$ 4,3 milhões para pagar a própria multa e partir para o Olympique de Marselha, foi a vez do argentino, nesta quinta (18), dar um novo passo rumo à saída.

De acordo com informações da Rádio Itatiaia, Sampaoli tem tudo pronto para entregar o imóvel em que reside à imobiliária. A data seria justamente após o dia 25, quando o Galo encerra sua participação no Campeonato Brasileiro.

Com contrato até o fim de 2021, Sampaoli irá arcar com os custos da rescisão. A diretoria do Atlético-MG não possui o interesse na saída do treinador.

O Atlético-MG diz que não vai atrás de outro treinador enquanto Sampaoli não se manifestar. A equipe ainda tem pela frente dois jogos na competição, mas o comandante já deu indícios de que não continua.

Um dos nomes cotados para substituir o argentino é de Renato Portaluppi. No Grêmio desde 2016, o técnico é enxergado como o profissional ideal para manter as caracterísitcas que Sampaoli trouxe ao Galo.

Há indefinição sobre a permanência de Renato no Grêmio. O Tricolor, inclusive, já teria um pré-acordo com Tiago Numes para substituí-lo na próxima temporada.

Outro nome que chegou a ser sondado pelo Atlético-MG foi o do técnico Jorge Jesus. No entanto, o Galo teria se assustado com o valor da multa rescisória que o português tem com o Benfica.

Atualmente, a equipe ocupa a terceira posição, com 62 pontos, e estaria garantindo vaga na fase de grupos da Conmebol Libertadores 2021. As duas últimas partidas do Atlético-MG são contra Sport e Palmeiras.

Contratado no ano passado para a vaga de Dudamel, Sampaoli deixará Belo Horizonte com o título do Mineiro. Ele chegou a liderar o Brasileirão, mas perdeu o fôlego.

Mesmo com a possibilidade de perder Sampaoli, o Atlético-MG não deixou de trazer grandes nomes para a próxima temporada. Depois de anunciar Hulk, o Galo oficializou a contratação de Nacho Fernández, ex-River Plate.