<
>

Chile define times da Libertadores e confirma ao menos uma 'pedreira' no caminho de brasileiros

O Campeonato Chileno de 2020 chegou ao fim neste final de semana, com a Universidad Católica campeã. A classificação final definiu também os dois clubes que entraram nas fases iniciais da Conmebol Libertadores e estão no caminho dos brasileiros.

A má notícia se dá, principalmente, para o clube do país que se classificar como “Brasil 8”, a oitava vaga, hoje via Campeonato Brasileiro. Isso porque o representante chileno que entra em seu caminho até os grupos é a tradicional Universidad de Chile (“Chile 3”).

O brasileiro que ficar com a oitava vaga – hoje o Athletico-PR, mas com possibilidades para Santos, Corinthians, entre outros – estreará na Libertadores primeiro contra o Deportivo Lara, da Venezuela, e depois, encara ou “La U” ou San Lorenzo, da Argentina, campeão da Libertadores de 2014, já que os times também se enfrentam na fase inicial.

Já o “Chile 4”, que também estava pendente, será o Unión Española. A equipe entra no caminho do “Brasil 7”, neste momento o Grêmio (que, finalista da Copa do Brasil, ainda pode melhorar a posição). Antes, esse representante nacional encara o Ayacucho, do Peru, enquanto os chilenos têm de passar pelo Independiente Del Valle, do Equador.

Os chilenos também já têm data para estrear na Libertadores na fase 2. A Universidad de Chile primeiro encara o San Lorenzo em casa, em 10 de março, e faz a volta na Argentina no dia 17.

Já o Unión Española entra em campo, também no Chile, um dia antes, no dia 9, e decidirá sua classificação como visitante em 16 de março.

A Libertadores de 2021 começa já em 16 de fevereiro, com seis equipes disputando a chamada fase 1, na qual três se classificarão para sequência da principal competição do continente.

Já a fase 2, com a entrada dos brasileiros, acontece entre os dias 2 e 11 de março. As vagas nos grupos, na fase 3, serão definidas entre 16 de março e 8 de abril.