<
>

Everton vence o Tottenham em jogo de nove gols em noite inspirada de dupla brasileira

play
Lucas mostra bastidores no Tottenham e flagra furada de Harry Kane em jogo improvisado de críquete (0:11)

Brasileiro gravou parte da partida de críquete dentro do CT dos Spurs (0:11)

Nesta quarta-feira (10), o Everton enfrentou o Tottenham no Goodison Park pelas oitavas de final da FA Cup e venceu por 5 a 4, com o brilho da dupla Richarlison e Bernard, para passar de fase.

A partida começou elétrica para os Spurs. Logo no primeiro minuto, Lamela obrigou Olsen a fazer uma grande defesa em cabeceio na pequena área. No rebote, Lucas chutou para fora.

Dois minutos depois, porém, Davinson Sánchez não desperdiçou. Em escanteio cobrado por Son, o colombiano superou a marcação no alto e cabeceou no canto do goleiro do Everton para abrir o placar.

Depois de o domínio do Tottenham se arrefecer, foi a vez do Everton tentar crescer na partida e reagir. A primeira grande sequência veio aos 16 minutos, com um chute travado de Richarlison na área e uma bela defesa de Lloris, na sequência, em chute de Godfrey.

O goleiro francês voltou a ser decisivo dois minutos depois, quando Calvert-Lewin recebeu livre na área e tentou chutar no canto do arqueiro, que desviou e a bola acabou batendo na trave e não entrando.

Aos 26 minutos, foi a vez dos Spurs voltarem a levar perigo. Doherty cruzou rasteiro para Son na área e o coreano bateu de primeira, com força, obrigando Olsen a fazer nova grande defesa para salvar o time da casa.

Ainda assim, os donos da casa conseguiram buscar o empate. Aos 35 minutos, o Everton conseguiu recuperar a bola no campo de ataque, Calvert-Lewin recebeu dentro da área, chutou firme e igualou o marcador.

A virada veio dois minutos depois, com Richarlison. O brasileiro recebeu na entrada da área, cortou para o meio e chutou cruzado, no canto de Lloris, para fazer o segundo dos Toffees.

Mas as coisas pareciam piorar para o time de José Mourinho ainda mais. Aos 41, Hojberg fez pênalti em Calvert-Lewin e Sigurdsson converteu a cobrança, ampliando o placar em 3 a 1 para os donos da casa no final da primeira etapa.

Ainda assim, o Tottenham encontrou força para, aos 47, após tabela com Son, Lamela sair na cara de Olsen e tocar por cima, diminuindo a diferença no placar antes do intervalo.

Na volta para a segunda etapa, o time do Tottenham voltou a se impor, ainda mais depois da entrada de Harry Kane. Aos 11 minutos, em novo escanteio de Son, novamente Sánchez desviou para marcar o gol que empatou novamente a partida.

Mas quem voltou a ficar na frente foram os donos da casa. Aos 22, Richarlison recebeu passe em profundidade na área e chutou no canto de Lloris para marcar seu segundo gol na partida.

O Tottenham, porém, não iria desistir facilmente. Em bola que sobrou de escanteio, Son cruzou para Kane, aos 38, e o atacante inglês deu um peixinho na pequena área para empatar, mais uma vez, a partida. O gol deixou o camisa 10 na segunda colocação entre os maiores artilheiros dos Spurs.

Na prorrogação, porém, foi outro reserva que brilhou. Aos 6 minutos, Bernard tabelou com Sigurdsson, chutou cruzado de dentro da área e marcou o quinto gol do Everton na partida.

Após a classificação, o time espera, agora, o sorteio das quartas de final, que ocorre nesta quinta-feira (11). Manchester United e Manchester City estão entre os possíveis adversários.

Ficha técnica

Everton 5 X 4 Tottenham

GOLS: Calvert-Lewin, Richarlison (2), Sigurdsson e Bernard (EVE); Sánchez (2), Lamela e Kane (TOT).

EVERTON: Olsen; Keane, Godfrey, Mina e Digne (Holgate); Doucouré, Iwobi (Bernard), Davies e Sigurdsson; Richarlison e Calvert-Lewin (Coleman). Técnico: Carlo Ancelotti.

TOTTENHAM: Lloris; Doherty (Sissoko), Alderweireld, Sánchez e Davies; Hojberg, Ndombele (Winks) e Lamela (Carlos Vinícius); Bergwijn (Kane), Lucas Moura (Dele Alli) e Son. Técnico: José Mourinho


Estatísticas

- Primeiros dois gols de Davinson Sánchez na temporada

- Os três gols do Everton na primeira etapa ocorreram em um espaço de sete minutos e meio.

- Richarlison marcou seus primeiros dois gols em partidas contra o Tottenham.

- Kane se tornou o segundo maior artilheiro da história do Tottenham, passando Bobby Smith.

- O Everton marcou cinco gols em um jogo pela quarta vez na temporada. Somente o Tottenham está na frente neste quesito, com um jogo a mais.

- Foi a primeira vez desde janeiro de 2015 que um time de Mourinho sofre cinco gols em uma partida.

Próximos Jogos

As duas equipes voltam a campo no fim de semana, pela Premier League:

  • Sábado, 13/02, 14h30, Manchester City x Tottenham

  • Domingo, 14/02, 16h, Everton x Fulham