<
>

Marinho pode repetir feito de Robinho e Neymar pelo Santos no ESPN Bola de Prata Sportingbet

play
Cuca cita reforços do Boca para a semifinal e espera contar com Veríssimo e Luan Peres: 'Sem eles, a chance cai' (2:00)

'Eu não consigo ter a minha equipe na mão para trabalhar', disse o treinador do Santos, que enfrenta o Boca Juniors na quarta-feira, às 19h15 (de Brasília), pela semifinal da Libertadores (2:00)

Líder do prêmio 51º Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet desde a 21ª rodada, o atacante Marinho entra nessa reta final de Campeonato Brasileiro como um dos grandes favoritos à Bola de Ouro.

Vice-artilheiro da Série A com 15 gols (um a menos que Thiago Galhardo, do Internacional), e um dos líderes em assistências da competição (6), o camisa 11 do Peixe pode se tornar o 6º jogador do clube a ganhar a Bola de Ouro.

Desde o início da premiação, os santistas que ganharam como melhores do Brasileirão foram o goleiro Cejas (1973), o volante César Sampaio (1990), o meia Giovanni (1995) e os atacantes Robinho (2004) e Neymar (2011).

Vale lembrar que Pelé nunca entrou na disputa por ser considerado Hors Concurs. O Rei disputou o Brasileirão entre 1970 e 1974 na era do Bola de Prata. Já Neymar virou também Hors Concurs em 2012, não entrando na disputada daquele ano.

Com cinco ganhadores do Bola de Ouro, o Santos é o segundo no ranking, atrás apenas do Flamengo, que já faturou seis Bolas de Ouro, a última delas em 2019, com Gabigol.

Clubes que mais ganharam a Bola de Ouro:

1º Flamengo (6)

Corinthians(5)

2º Santos (5)

2º São Paulo (5)

Cruzeiro (4)

5º Internacional (4)

Palmeiras(4)

Atlético-MG (3)

Grêmio(3)

Vasco (3)

11º Athletico-PR (2)

11º Fluminense (2)

13º Bangu (1)

13º Red Bull Bragantino (1)

13º Guarani (1)

Ganhadores da Bola de Ouro:

1973 - Cejas - Santos

1973 - Ancheta - Grêmio

1974 - Zico - Flamengo

1975 - Waldir Peres - São Paulo

1976 - Figueroa - Internacional

1977 - Toninho Cerezo - Atlético-MG

1978 - Falcão - Internacional

1979 - Falcão - Internacional

1980 - Toninho Cerezo - Atlético-MG

1981 - Paulo Isidoro - Grêmio

1982 - Zico - Flamengo

1983 - Roberto Costa - Atlético-PR

1984 - Roberto Costa - Vasco

1985 - Marinho - Bangu

1986 - Careca - São Paulo

1987 - Renato Gaúcho - Flamengo

1988 - Taffarel - Internacional

1989 - Ricardo Rocha - São Paulo

1990 - César Sampaio - Santos

1991 - Mauro Silva - Bragantino

1992 - Júnior - Flamengo

1993 - César Sampaio - Palmeiras

1994 - Amoroso - Guarani

1995 - Giovanni - Santos

1996 - Djalminha - Palmeiras

1997 - Edmundo - Vasco

1998 - Edílson - Corinthians

1999 - Marcelinho Carioca - Corinthians

2000 - Romário - Vasco

2001 - Alex Mineiro - Athletico-PR

2002 - Kaká - São Paulo

2003 - Alex - Cruzeiro

2004 - Robinho - Santos

2005 - Tevez - Corinthians

2006 - Lucas Leiva - Grêmio

2007 - Thiago Neves - Fluminense

2008 - Rogério Ceni - São Paulo

2009 - Adriano - Flamengo

2010 - Conca - Fluminense

2011 - Neymar - Santos

2012 - Ronaldinho Gaúcho - Atlético-MG

2013 - Éverton Ribeiro - Cruzeiro

2014 - Ricardo Goulart - Cruzeiro

2015 - Renato Augusto - Corinthians

2016 - Gabriel Jesus - Palmeiras

2017 - Jô - Corinthians

2018 - Dudu - Palmeiras

2019 - Gabigol - Flamengo