<
>

BOMBOU! Futuro de Diego Costa, Cruzeiro 'empacado' na Série B e 'craque mundial' que hoje é esquecido

A última semana de 2020 vem dando o que falar e o mundo do esporte tem notícias bombásticas nesta quarta-feira (30). E o ESPN.com.br traz o que de melhor aconteceu.

A saída de Diego Costa do Atlético de Madrid, anunciada na manhã da última terça-feira (29), caiu como uma bomba no futebol espanhol. Mas causou burburinho também no Brasil por conta do desejo antigo do atacante em jogar ainda em alto nível em sua terra natal.

Após o empate sem gols com o Cuiabá, o Cruzeiro praticamente deu adeus ao acesso para o Campeonato Brasileiro. O time tem probabilidade mínima de subir. Por incrível que pareça o risco é de cair.

Jesé Rodríguez surgiu como uma promessa do Real Madrid, passou por Paris Saint-Germain e hoje vê seu nome nas manchetes por contas das polêmicas extracampo e não por seu futebol, mas sim por uma briga pública com a ex-mulher.

Veja abaixo as principais notícias desta quarta-feira:

Como ex-Real Madrid e PSG foi de 'craque mundial' para hoje 'ganhar dinheiro dormindo'

Diego Costa tem 'passado' entre Corinthians e Palmeiras, 'carinho' pelo Flamengo e já colocou condição para aceitar jogar no Brasil

Diego Costa escreve carta de despedida do Atlético, e Daniel Alves comenta: 'Defesas espanholas estão em festa'

Às vésperas de decisão contra o Palmeiras, River Plate recebe oferta de R$ 50 milhões por nome titular de Gallardo

Palmeiras: os segredos de Abel Ferreira, segundo quem o conhece, contra América-MG na Copa do Brasil

Zé Ricardo segue conselho de empresário e não acerta com o Vasco, que segue sem técnico

São Paulo: Tiago Volpi saiu da Série D e venceu concorrência de primo para brilhar

Jornal espanhol detalha motivos para Reinier, ex-Flamengo, ter virado 'mal-entendido' no Dortmund

Multicampeão com o Bayern, 'queridinho' de Mourinho e artilheiro: jornal faz lista com oito que podem mudar de clube

Cruzeiro tem menos de 1% de chance de subir e agora até probabilidade (mínima) de cair para Série C é maior