<
>

Liverpool: Salah revela que ficou desapontado com Klopp na Champions e não descarta Barcelona ou Real Madrid

Mohamed Salah disse que seu futuro no Liverpool está 'nas mãos do clube', e que ficou 'muito desapontado' por não ter sido considerado para ser o capitão do time no jogo da Uefa Champions League contra o Midtjylland, no dia 9 de dezembro, após Jordan Henderson e Georginio Wijnaldum aparecerem no banco de reservas, e James Milner e Virgil van Dijk estarem lesionados.

O técnico Jurgen Klopp escolheu Trent Alexander-Arnold, de 22 anos, como capitão, e Salah ‘respondeu’ marcando um gol no primeiro minuto no empate por 1 a 1.

“Honestamente, fiquei muito desapontado”, disse Salah ao jornal espanhol AS. “Esperava ser o capitão. Mas é uma decisão do treinador. Aceito”.

Salah tem sido especulado regularmente como alvo de Real Madrid e Barcelona, dois gigantes de LaLiga, durante os três anos e meio de enorme sucesso em Anfield. Seus gols ajudaram a levar o Liverpool ao título da Champions em 2019 e da Premier League, encerrando em 2020 um jejum de 30 anos do Liverpool.

"Acho que Real Madrid e Barcelona são os melhores clubes", disse. "Nunca sabemos o que vai acontecer no futuro. No momento, estou focado em vencer a Premier League e a Champions League novamente com [o Liverpool]”, afirmou o jogador, que tem contrato em Anfield até junho de 2023.

“Essa é difícil”, disparou Salah quando questionado por quanto tempo ficará no clube. “Neste momento posso dizer que tudo está nas mãos do clube. Claro que quero quebrar recordes aqui, todos os recordes, mas tudo está nas mãos deles”.

Neste sábado, o egípcio começou a partida contra o Crystal Palace entre os reservas, mas entrou no segundo tempo e marcou dois gols na goleada por 7 a 0, se isolando ainda mais na artilharia da Premier League, com 13 bolas na rede.