<
>

Erik celebra momento histórico do Yokohama Marinos e cita equipes que podem atrapalhar 'sonho asiático': 'Vamos brigar para chegar longe'

O Yokohama Marinos vive um grande momento em sua história. Depois de conquistar a classificação inédita para a fase de mata-mata da Liga dos Campeões da Ásia, o time enfrenta o Suwon Bluewings nesta segunda (7), em busca de um lugar nas quartas de final.

Em entrevista exclusiva ao ESPN.com.br, o atacante Erik celebrou a boa fase da equipe, lamentou o resultado no Japonês e ressaltou a vontade que o elenco tem de continuar fazendo história.

“Essa semana foi muito especial para o clube. Todos estão muito felizes. Traçamos metas para esse ano para irmos em busca de grandes conquistas. Infelizmente já J-League não fizemos uma grande competição. Até pelo calendário, tivemos muitas lesões”, disse.

“Mas nosso foco estava na Champions da Ásia. Nosso torcedor abraçou, por mais que no início não pudesse estar presente. Mas pudemos encaixar uma sequência de vitórias nos três primeiros jogos e deu confiança. Agora estamos com objetivo de ir muito mais longe”, completou.

A equipe, porém, não é uma das favoritas ao título continental. E o próprio Erik chegou a citar times que podem ser ‘pedra no sapato’ do time, mas ressaltou o foco jogo a jogo.

“Tem equipes de grande qualidade. Guangzhou, Vissel Kobe, que está no nosso chaveamento, o Beijing. A gente vai procurar jogar jogo a jogo. A gente está preparado para chegar forte no mata-mata, independente de qual seja equipe. É tudo novo, mas esse grupo está preparado para grandes coisas”, afirmou.

“Não é fácil essa competição. Esse ano já tem um (time) do Irã na final (Persepolis). Tem o Kobe, os times vêm fortes. O time do Renato Augusto vem fazendo uma grande campanha. Vamos brigar para chegar longe”, finalizou.