<
>

Valor de Haaland dispara, e estudo prevê: 'Pode quebrar o recorde de Neymar quando pandemia acabar'

Um relatório do Centro Internacional de Estudos Esportivos divulgado nesta segunda-feira mostra a mudança do valor de transferência dos jogadores das cinco principais ligas europeias de acordo com um algoritmo próprio. O documento apresenta um grande crescimento a respeito de Erling Haaland e aponta até que o norueguês pode quebrar o recorde de transferência mais cara da história.

"Se a noticiada cláusula de rescisão de 75 milhões de euros válida a partir de 2022 realmente existir, o Borussia Dortmund certamente ficará tentado em vendê-lo por um preço muito mais alto no final da atual temporada. Se Erling Haaland continuar a marcar tantos gols e tiver performances em um nível tão alto, uma vez que a pandemia da COVID-19 tiver acabado, ele poderia quebrar o recorde de 222 milhões de euros de transferência mais cara, que é atualmente de Neymar", aponta o estudo.

Aos 20 anos, o atacante soma 17 gols em 14 jogos pelo Borussia Dortmund na temporada. Contratado junto ao Red Bull Salzburg, o atacante está no Signal Iduna Park desde o começo deste ano.

Aliás, por falar no clube alemão, outro jovem atleta do elenco apresentou uma ascensão impressionante nos dados do estudo. Giovanni Reyna viu seu valor saltar de 11,7 milhões de euros para 46,1 milhões no último mês.

Veja os maiores crescimentos do valor de transferência entre outubro e novembro dos jogadores com valor de pelo menos 80 milhões de euros (atletas das cinco principais ligas europeias):

Erling Haaland/Borussia Dortmund (155,6 milhões de euros) - subiu 35,3 milhões de euros

Bruno Fernandes/Manchester United (140,2 milhões de euros) - subiu 19,9 milhões de euros

Diogo Jota/Liverpool (84 milhões de euros) - subiu 16,5 milhões de euros

Phil Foden/Manchester City (85,3 milhões de euros) - subiu 15 milhões de euros

Rúben Dias/Manchester City (95,5 milhões de euros) - subiu 14,8 milhões de euros