<
>

Lanterna da Bundesliga vive caos com demissão de diretor, jogadores afastados e briga de atacante com brasileiro

O Schalke vive um momento muito delicado na Bundesliga. Na laterna da competição, o clube demitiu o diretor técnico, suspendeu dois jogadores e um atacante que brigou com o brasileiro Naldo.

Nabil Bentaleb e Amine Harti foram suspensos do time titular. Por outro lado, Vedad Ibisevic, contratado em setembro, vai deixar o clube ao fim da temporada. O Schalke se manifestou com um comunicado.

"O FC Schalke 04 tomou as seguintes decisões pessoais em meio a um período difícil para o clube e com atenção aos cinco jogos cruciais da Bundesliga que ainda faltam antes da pausa de inverno”.

"Nabil Bentaleb e Amine Harit vão treinar individualmente, sob a supervisão da comissão técnica do time principal, até novo aviso. O contrato de Vedad Ibisevic com o clube terminará em 31 de dezembro de 2020”.

De acordo com o Schalke, Bentaleb vai deixar o clube até o verão de 2021. Na última terça-feira, ele completou 26 anos, mas a postagem de aniversário feita pelo clube foi apagada das redes sociais.

O Schalke vive uma crise e não vence há 24 jogos na Bundesliga, contando a temporada passada. Na atual, são oito jogos e nenhuma vitória.

Até o momento, a equipe conseguiu três empates e cinco derrotas e ocupa a lanterna do Campeonato Alemão. O próximo compromisso do clube na competição será contra o Monchengladbach, no sábado, às 14h, fora de casa.