<
>

Premier League - Metade dos clubes seguirá sem público nos estádios; veja a situação de cada um deles

A Premier League aguarda uma aprovação do Parlamento para liberar a volta de público aos estádios. Por sugestão do primeiro-ministro Boris Johnson, os jogos teriam no máximo 4.000 torcedores em cidades onde os casos de COVID-19 estão mais controlados, 2.000 em cidades onde há restrições e zero público em áreas com alta contaminação.

Em meio a este cenário, o governo britânico divulgou nesta quinta-feira como estão cada uma das áreas do país em relação às regras de restrição por conta da pandemia.

Nenhum dos 20 clubes que disputam a Premier League estão na zona mais relaxada, em que poderiam ter um público de até 4 mil torcedores.

Metade está localizada na segunda zona, em que são permitidos até 2 mil torcedores, como os casos de Arsenal, Chelsea, Tottenham e Liverpool.

Além disso, dez equipes seguirão sem poder contar com qualquer apoio das arquibancadas, com destaque para Manchester City e Manchester United.

A próxima rodada da Premier League, a décima, irá ocorrer neste final de semana e será encerrada na segunda-feira, 30 de novembro, portanto antes de as divisões serem colocadas em prática. Assim, todas as partidas deste período seguirão sem público.

Confira abaixo em quais zonas estão cada um dos clubes da Premier League:

Zona 1 (até 4 mil torcedores)

  • Nenhum

Zona 2 (até 2 mil torcedores)

  • Arsenal

  • Brighton

  • Chelsea

  • Crystal Palace

  • Everton

  • Fulham

  • Liverpool

  • Southampton

  • Tottenham

  • West Ham

Zona 3 (sem torcedores)

  • Aston Villa

  • Burnley

  • Leeds United

  • Leicester City

  • Manchester City

  • Manchester United

  • Newcastle United

  • Sheffield United

  • West Bromwich

  • Wolverhampton