<
>

Jesus revela a maior preocupação que tem desde que chegou ao Benfica: 'Fico com o coração nas mãos'

O Benfica entra em campo contra o Rangers, nesta quinta-feira, às 17h, pela Europa League, com vários desfalques que testaram positivo para COVID-19. E Jorge Jesus não tem dormido quando vê seus atletas indo representar as seleções.

Antes da partida contra pela competição europeia, ele afirmou que se acostumou a perder jogadores pela doença, já que conviveu com a COVID-19 no Brasil. No entanto, admite que fica bastante preocupado com as eliminatórias.

“Não me tem dado muitas dores de cabeça porque fui habituado muito cedo, no Brasil, a ter de trabalhar em cima de jogadores contagiados e comecei a conhecer essa realidade, até comigo”.

“Pode ser muito complicado para muitas equipes, não sabemos onde está o vírus. Por muito cuidado que tenhamos, as viagens são um perigo. Fico com o coração nas mãos quando os jogadores vão às seleções, sim, sobretudo para fora Europa, porque são viagens e não há os cuidados como no dia a dia, na sua bolha”, completou.

Sobre a partida desta quinta-feira, Jorge Jesus destacou que está muito confiante para que o Benfica possa vencer e continuar invicto na competição. Vale lembrar que as equipes empataram em 3 a 3 na terceira rodada.

“Sempre confiante, às vezes, alguns jogadores que não são a primeira opção passam a ser e surpreendem-nos. Há males que vêm por bem”, finalizou.