<
>

Chefe da Inter abre as portas para saída de ex-Tottenham: 'Não vamos impedi-lo'

Christian Eriksen deixou o Tottenham em janeiro para reforçar a Internazionale. Mas o investimento de 20 milhões de euros não tem se mostrado acertado - nem para clube, nem para o jogador

O técnico Antonio Conte quase não o aproveita em Milão. E, por isso, Giuseppe Marotta, CEO dos nerazurri, abriu a porta de saída para o meia. Se possível, já na próxima janela de inverno, em janeiro.

"Na semana passada, o treinador falou sobre o assunto de forma bastante clara. Posso garantir que, se o jogador quiser sair, não vamos impedi-lo. Teremos de fazer a análise da situação. Até hoje, não chegou qualquer proposta para a transferência mas vamos tomar uma decisão na altura certa", disse Marotta à DAZN italiana.

Depois de vários anos ao mais alto nível na Premier League, o dinamarquês de 28 anos tem apenas quatro gols e três assistências em 33 jogos (1.377 minutos) no Campeonato Italiano.