<
>

Jornal revela o que Tite disse a Tabárez após vitória do Brasil sobre o Uruguai

Poucos minutos após o árbitro encerrar a partida em que o Brasil derrotou o Uruguai por 2 a 0, em pleno estádio Centenário, em Montevidéu, o técnico Tite foi até Oscar Tábarez e fez uma confissão. Algo revelado só nesta quarta-feira (18) pelo jornal “Ovación”.

“Em você encontro uma inspiração e não estou falando por compromisso, não. É de coração. Obrigado", disse.

Tábarez é professor e diretor de escola pública no Uruguai e está na seleção uruguaia desde 2006, período em que não apenas resgatou a força da Celeste como introduziu valores que transcedem o futebol.

"A principal característica dele é que trouxe um projeto de institucionalização da seleção. Ele supervisionava tudo e tinha uma mesma forma de pensar desde a base até o profissional. E, neste processo, ele deu mais importância à formação de seres humanos", disse Diego Lugano, que já foi capitão do Uruguai sob o comando de Tábarez, em entrevista à ESPN Brasil há três anos.

Assim como o dirigente do São Pauo, outros jogadores que trabalharam com Tábarez relataram inúmeras vezes que o técnico acompanha o que eles fazem dentro e fora de campo e que deslizes éticos geram desconvocações.

A exigência no comportamento é também vista nos treinos. Ele busca que os jogadores trabalhem mais focados na disciplina e na qualidade do jogo do que no anti-jogo, deixando para trás a fama de futebol violento carregada pelo Uruguai.

Desde que voltou a seleção celeste em 2006, Tábarez conseguiu mais prestígio e holofotes. O destaque do trabalho foi a conquista da Copa América de 2011, a Argentina, além do quarto lugar na Copa do Mundo de 2010.

Segundo o “Ovación”, Tábarez ficou agradecido ao elogio de Tite, em imagens captadas apenas pelas câmeras de transmissão da partida. Em campo, para a tristeza do "Maestro", deu Brasil 2 a 0 pelas eliminatórias para a Copa de 2022.