<
>

CBF analisa calendário do Mundial de Clubes por conta de conflito de datas com final da temporada no Brasil

Nesta terça (17), a Fifa anunciou as novas datas do Mundial de Clubes, que precisaram ser adiadas por conta da pandemia do novo coronavírus. O torneio será disputado entre 1º e 11 de fevereiro de 2021 e entrou em conflito com os clubes brasileiros por conta das datas.

Isso porque caso uma equipe brasileira vença, poderá bater com as rodadas finais do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil. O primeiro tem as rodadas 33 a 36 programadas e bate com as do Mundial. Já o torneio mata-mata tem finais marcadas para os dias 3 e 10 de fevereiro.

Em contato com dirigentes da CBF, o ESPN.com.br apurou que as datas e os possíveis conflitos com os campeonatos nacionais ‘estão sendo neste momento metabolizadas’ pela entidade.

"A introdução de protocolos de volta ao futebol facilitou o retorno dos campeonatos continentais. O último deles vai acabar no final de janeiro de 2021. Como consequência disso, o Mundial de Clubes acontecerá de 1 a 11 de fevereiro de 2021 no Catar, país designado como anfitrião originalmente pelo Conselho da Fifa em junho de 2019", diz a nota oficial.

Até o momento, o Bayern de Munique, campeão da Champions League, e o Al-Duhail, representante do país-sede, estão garantidos. Na África, Zamalek e Al-Ahly decidirão o representante do continente. A final está marcada para o dia 27 de novembro.

No Brasil, Palmeiras, Flamengo, Santos, Athletico-PR, Internacional e Grêmio são os representantes que podem conquistar a Conmebol Libertadores e ter as datas conflituosas.