<
>

Fluminense: Luccas Claro diz como Libertadores e pressão podem levar Odair Hellmann a fazer 'dança do meme'

play
Nino chega no Fluminense de Fusca, e Fred não se aguenta com 'lata velha': 'Você não cabe aí dentro não, jovem' (0:57)

Via Instagram @fredguedes9 | Ídolo tricolor se divertiu com o carro do zagueiro (0:57)

O Fluminense é uma das surpresas do atual Campeonato Brasileiro e um dos destaques do time tem sido Luccas Claro. Contratado em setembro de 2019, o defensor passou a ganhar mais chances com Odair Hellmann.

Em entrevista ao ESPN.com.br, o zagueiro falou sobre os elogios que tem recebido da torcida e revelou um ‘apelido’ que tem ganho nas redes sociais.

“Em comparação com outro defensor, não. Mas acho muito engraçado uma postagem que fizeram com uma foto do Wesley Snipes. Tem uma figurinha que fizeram e eu já achei bem bacana. É legal fazer ações, mesmo sem torcida, os torcedores se associando, os números crescendo. Bem bacana esse envolvimento com os atletas”, disse o atleta.

Mas Luccas não é o único membro do time carioca a receber um ‘meme’ da torcida. Recentemente, o técnico Odair Hellmann tem sido comparado a um sósia dançarino na internet.

No vestiário, o elenco já brincou com o seu comandante para que ele gravasse um vídeo e o zagueiro aderiu a ideia de uma promessa ser feita em caso de classificação para a Conmebol Libertadores.

“A gente brincou com ele para ele estar fazendo. Acho que vai ser difícil, mas vamos tentar, até o final do campeonato, fazer o Odair dançar, fazer o vídeo e soltar nas redes. Não vai gostar muito, mas vamos tentar”.

“Se essa for a aposta, acho que ele vai ter que dançar. Eu estou muito confiante na classificação. Mas vamos propor isso: ‘Se o Fluminense se classificar para a Libertadores, não vai ter como escapar, vai ter que fazer a dancinha”, brincou o atleta.

Apesar da confiança do defensor, muitos duvidam do Tricolor das Laranjeiras. O jogador disse ver que as pessoas tem desconfiança na equipe, mesmo com o elenco qualificado.

“Tem sim (desconfiança). Para ser bem sincero, todos sabem disso, o Fluminense tem um bom elenco, um bom time, mas não é o melhor do Brasil, está longe de ser. Mas nós temos um time bem competitivo. Eu acredito que o diferencial não é estar pensando na Libertadores, mas sim jogo a jogo. Nós não pensamos que podemos terminar a rodada em terceiro, quarto. Pensamos em vencer o jogo”, apontou.

E, mesmo com o Fluminense na quarta colocação, com 29 pontos, o trabalho de Odair recebe críticas por conta das eliminações nas Copas do Brasil e Sul-Americana, além do estilo de jogo “retranqueiro” em certos momentos. Luccas Claro, porém, discorda da imagem.

“Crítica sempre vai ter. Algumas eu até discordo um pouco, porque acho que nós estamos fazendo um grande trabalho, dentro de uma competição muito difícil. Talvez não a melhor do mundo, mas uma das mais competitivas”.

“Acho que é um pouco injusto com o Odair, porque estamos fazendo um grande trabalho e tem muito mérito dele. Uma crítica que eu vejo bastante é sobre o time marcar o gol e recuar. Quem recua o time somos nós, jogadores que estão dentro de campo. Nós temos que continuar jogando da forma que começamos a partida”, finalizou.