<
>

Lionel Messi não marca ou dá assistência em Barcelona x Real Madrid desde saída de Cristiano Ronaldo

Lionel Messi e Cristiano Ronaldo protagonizam a grande rivalidade individual do futebol nos últimos 12 anos. Neste período, os craques conquistaram 11 Bolas de Ouro de melhor do mundo (6 a 5 para o argentino) e, por muito tempo, travavam disputas históricas no clássico entre Barcelona e Real Madrid.

O camisa 10 do Barça, porém, parece sentir falta de seu rival português. Desde que Cristiano deixou o Real, em 10 de julho de 2018, Lionel não sabe o que é marcar ou dar uma assistência em El Clásico.

No confronto deste sábado, Messi até iniciou a jogada do gol de Ansu Fati, mas passou em branco na derrota por 3 a 1 para o maior rival. Com isso, os números do camisa 10 atingiram recordes negativos.

Messi não conseguiu vencer nos últimos sete jogos contra o Real em casa. Foram três derrotas e quatro empates, a maior marca de sua carreira.

Maior artilheiro da história do confronto, com 26 gols, ele não balança as redes há seis partidas contra o rival, igualando seu maior jejum contra os merengues, obtido entre março de 2014 e dezembro de 2016.

Na última vitória blaugrana sobre os madridistas, em 5 de outubro de 2018, inclusive, Messi não atuou.

No clássico deste sábado, o argentino bateu três vezes a gol, sendo duas na meta rival. Sofreu duas faltas, tendo cometido o mesmo número. E levou um cartão amarelo.