<
>

Prêmio ESPN Bola de Prata: Edenílson, Nathan e Alonso são as novidades na seleção

Um dos destaques da boa vitória do Internacional sobre o Sport, no Recife, por 5 a 3, Edenílson foi o melhor da posição na 16ª rodada e voltou para a seleção do 51º Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet. Com uma arrancada sensacional no final do jogo, o meio-campista deu uma assistência para o gol de Yuri Alberto, o quinto do time colorado na partida, e desbancou Gerson, do Flamengo, na seleção do campeonato.

Ao final dessa 16ª rodada, o time ideal da disputa tem outras duas novidades, ambas do líder Atlético-MG: o zagueiro Júnior Alonso, que também volta para a seleção, desbancando o parceiro Réver, e o meia Nathan, que pegou o lugar de Nenê, do Fluminense.

Thiago Galhardo, o Bola de Ouro até aqui, começou no banco na vitória do Inter, mas deu uma assistência e ampliou sua vantagem na liderança entre os melhores do campeonato, que agora tem Nathan como segundo colocado.

A seleção do Bola de Prata após a 16ª rodada ficou assim: Gatito Fernández (Botafogo), Saravia (Internacional), Gustavo Gómez (Palmeiras), Júnior Alonso (Atlético-MG) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Dodi (Fluminense), Edenílson (Internacional), Nathan (Atlético-MG) e Arrascaeta (Flamengo); Marinho (Santos) e Thiago Galhardo (Internacional). Técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG).

Róbson, do Coritiba, é o melhor da 16ª rodada e bate recorde de pontos

Autor de dois gols e uma assistência na ótima vitória do Coritiba sobre o Palmeiras, por 3 x 1, no Allianz Parque, o centroavante Róbson foi o maior pontuador da 16ª rodada com 7,82 pontos, a maior desse Brasileirão 2020.

Nessa 16ª rodada, outro jogador do Coxa, o meia Giovanni Augusto, também brilhou na vitória e foi o segundo maior pontuador, com 7,19 pontos. Ex-jogador do Atlético-MG e Corinthians, o meia deu um passe e fez um gol na vitória que derrubou o técnico Vanderlei Luxemburgo.

Entre os maiores pontuadores da rodada, entraram também os meio-campistas do Inter (Patrick e Edenílson) e o goleiro Walter, do Corinthians, que fechou o gol na suada vitória sobre o Athletico-PR, que ajudou o time a sair da zona do rebaixamento.

A seleção da 16ª rodada do Bola de Prata ficou assim: Walter (Corinthians), Victor Ferraz (Grêmio), Sabino (Coritiba), Rodrigo Moledo (Internacional) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Xavier (Corinthians), Edenílson (Internacional), Patrick (Internacional) e Giovanni Augusto (Coritiba); Janderson (Atlético-GO) e Róbson (Coritiba). Técnico: Jorginho (Coritiba)

Desde 2017, o prêmio conta com a pontuação composta por 40% de estatísticas (o Algoritmo DataESPN) + 60% das notas dos jornalistas.