<
>

Alemanha e Suíça empatam em jogo insano de 6 gols pela Liga das Nações

Em uma partida intensa e emocionante, Alemanha e Suíça empataram por 3 a 3 no RheinEnergieStadion, em Colônia, nesta terça-feira, pela quarta rodada do grupo 4 da divisão A da Liga das Nações.

Mario Gavranovic e Remo Freuler abriram 2 a 0 para os visitantes, enquanto Timo Werner descontou ainda antes do intervalo. Kai Havertz empatou, Gavranovic fez mais um e deixou os suíços novamente à frente e Serge Gnabry, com um golaço de letra, definiu a igualdade.

O duelo acabou com 31 finalizações, sendo quase metade delas no alvo (15). Os alemães concluíram mais vezes (18) e ainda tiveram 62,9% de posse de bola.

Com o resultado, a Alemanha chega a seis pontos e segue na vice-liderança, um ponto atrás da Espanha. que foi derrotada nesta terça fora de casa pela Ucrânia. Os suíços estão na lanterna da chave com dois pontos, enquanto os ucranianos saltaram para seis unidades com o surpreendente triunfo. Restam ainda duas rodadas para a definição do time classificado e do rebaixado.

A partida desta terça foi especial para Toni Kroos, que completou 100 jogos com a seleção alemã, pela qual foi campeão mundial em 2014. Ele é o 13º a alcançar esta marca e empata com Thomas Müller.

Ficha técnica

Alemanha 3 x 3 Suíça

GOLS: Werner, Havertz e Gnabry (Alemanha); Gavranovic (2) e Freuler (Suíça)

ALEMANHA: Neuer; Klostermann, Rüdiger, Ginter (Can) e Gosens (Halstenberg); Kroos e Kimmich; Gnabry, Goretzka e Werner; Havertz (Draxler). Técnico: Joachim Low

SUÍÇA: Sommer; Widmer, Elvedi, Schar e Rodriguez; Zuber (Fernandes), Freuler (Benito), Xhaka e Shaqiri (Sow); Gavranovic (Mehmedi) e Seferovic (Itten). Técnico: Vladimir Petkovic

Estatísticas

Toni Kroos é o 13º jogador a chegar a 100 partidas pela seleção alemã. O líder da lista é Lothar Matthaus (150)

A Alemanha não fica sem sofrer gols em uma partida desde 16 de novembro de 2019, quando fez 4 a 0 em Belarus. Desde então, são 6 partidas seguidas sendo vazada

Timo Werner chegou a 13 gols em 33 jogos pela seleção alemã

Remo Freuler marcou seu gol pela Suíça - o outro foi em março de 2019

Serge Gnabry tem agora 14 gols em 15 jogos pela Alemanha, incluindo 4 nos últimos 3 jogos

A Alemanha não vence a Suíça há 3 jogos (2 empates e uma derrota), seu maior jejum contra a rival desde 1938. Última vitória da Alemanha foi em um amistoso em 2008


Suíça na frente

Em um primeiro tempo agitado, os suíços abriram 2 a 0 com 26 minutos de bola rolando. Primeiramente, aos 5min, Gavranovic aproveitou passe de cabeça de Freuler e completou também de cabeça por cima de Neuer para abrir o placar.

Mais tarde, Seferovic foi bem acionado na esquerda e deu assistência precisa para Freuler, que encobriu o goleiro. Rudiger ainda tentou o corte em cima da linha, mas não evitou o gol.

Dois minutos depois, Werner recebeu de Havertz no campo de ataque, escapou da marcação, invadiu a área e bateu rasteiro para vencer Sommer.

A etapa inicial teve 15 finalizações, sendo nove dos germânicos - cada time acertou o alvo em três oportunidades. Os donos da casa tiveram 68,7%.


Três gols em 15 minutos

Na volta do intervalo, Havertz fez jogada individual e acertou a trave logo aos três minutos e meio. Já aos 10 minutos, o atacante marcou e empatou o jogo ao aproveitar saída errada de Schar. Porém, menos de dois minutos depois, Gavranovic aproveitou sobra de bola e soltou a pancada para deixar os suíços novamente à frente.

Aos 15min, a seleção quatro vezes campeã do mundo deixou tudo igual, com Gnabry aproveitando boa assistência de Werner e finalizando de letra para anotar um golaço.

Os alemães ainda criaram algumas chances para a virada, que não veio. Nos acréscimos, o zagueiro Fabian Schar ainda recebeu o segundo cartão amarelo e e foi expulso.


Próximos jogos

Agora, as duas seleções voltam a campo só em 11 de novembro, quando irão disputar amistosos

  • Quarta-feira, 11/11, 16h45*, Alemanha x República Tcheca

  • Quarta-feira, 11/11, 16h45*, Bélgica x Suíça

*horário de Brasília