<
>

Copa da Liga Inglesa: Dier sendo 'chamado pela natureza', privada 'melhor em campo', e Leno fechando gol em clássico

A Copa da Liga Inglesa realizou durante esta semana as oitavas de final e muita coisa aconteceu. Muita coisa mesmo.

Tivemos dois clássicos, entre Tottenham e Chelsea e Arsenal e Liverpool, que foram os dois grandes destaques. No dérbi londrino, o Tottenham se deu melhor, venceu e se classificou em uma partida que ficou marcada pelo "chamado da natureza" ao zagueiro Eric Dier, que teve que deixar o gramado para ir ao banheiro e foi "resgatado" às pressas por José Mourinho. Em Liverpool, Leno fechou o gol e garantiu e garantiu a classificação dos Gunners nas penalidades.

As duas equipes de Manchester também entraram em campo e o City venceu o Burnley com tranquilidade, assim como o United não encontrou dificuldades para bater o Brighton. Ainda tivemos o Everton goleando o West Ham com um show de Calvert-Lewin, que fez hat-trick, e gol de Richarlison, O Newcastle United passando nos pênaltis, o modesto Brentford eliminando o Fulham e o Stoke City eliminando o Aston Villa.

Conteúdo patrocinado por Ford

ERIC DIER E O CHAMADO DA NATUREZA!

O Tottenham venceu o Chelsea nas penalidades após empatar em 1 a 1 no tempo normal. O grande momento do jogo, porém, não foi nenhum gol ou alguma das cobranças nas penalidades.

Durante o segundo tempo, o zagueiro Eric Dier precisou deixar o gramado para ir ao banheiro, os Spurs quase concederam um gol e José Mourinho ficou furioso. O português saiu correndo até o vestiário e buscou Dier em uma cena espetacular. Depois da partida, Dier admitiu o que havia acontecido e disse que nada poderia fazer, afinal, foi "um chamado da natureza".


PRIVADA MELHOR EM CAMPO!

Brincando com a situação após a partida, Dier postou uma foto em seu Instagram dando o troféu de melhor em campo para a privada do Tottenham Stadium.

Ver essa foto no Instagram

The real M.O.M

Uma publicação compartilhada por Eric Dier (@ericdier15) em


LENO, UM GIGANTE!

Se o Arsenal conseguiu eliminar o Liverpool nas penalidades, muito se deve a atuação espetacular do goleiro Leno. O alemão fechou o gol durante os 90 minutos, pegou as penalidades de Jones e Origi e foi o grande herói da classificação Gunner.