<
>

Ídolo do São Paulo, Cicinho critica eliminação na Libertadores: 'Estava mais para um treino'

O São Paulo está eliminado da Conmebol Libertadores 2020. Nesta quarta-feira, o time do Morumbi foi derrotado pelo River Plate por 2 a 1 e deu adeus à competição na fase de grupos.

Ídolo do clube e campeão da Libertadores e Mundial em 2005, o ex-lateral direito Cicinho usou as redes sociais para mostrar seu descontentamento com a eliminação.

"De boa, isso que assisti não era Libertadores, estava mais para um treino, até porque isso não é São Paulo. São Paulo é amor e sangue na veia.Me calo por aqui, lembrando que não sou mais jogador, eu sou torcedor e tricolor", postou Cicinho.

Com a eliminação na Libertadores, restou ao São Paulo buscar uma vaga na Copa Sul-Americana. Para isso, precisará vencer o Binacional na última rodada da fase de grupos, no Morumbi.