<
>

Fluminense revela nove casos positivos de COVID-19, cinco deles do elenco principal

play
Torcedores protestam no aeroporto após eliminação do Fluminense na Copa do Brasil (0:28)

Mário Bittencourt e Odair Hellmann foram os principais alvos do grupo de torcedores (0:28)

O Fluminense anunciou neste sábado que nove jogadores testaram positivo para COVID-19 em exame realizado na última sexta-feira, cinco deles da equipe principal (Calegari, Luccas Claro, Miguel, Luiz Henrique e Marcos Paulo).

Os outros quatro são do time sub-23: André, Luan, Martinelli e Nascimento. Os atletas já estão isolados, cumprindo quarentena.

De acordo com o clube tricolor, "no exame anterior à partida e no inquérito epidemiológico feito no dia do jogo (contra o Atlético-GO pela Copa do Brasil), todos os resultados haviam sido negativos".

"No entanto, Marcos Paulo sentiu-se mal ainda no hotel e não seguiu com o grupo para o estádio. Durante a partida, Luiz Henrique sentiu-se mal e foi substituído", continua a nota oficial.

O futebol carioca, por sinal, vive outra drama com o surto de casos no Flamengo, que acumula 41 pessoas infectadas após a viagem feita ao Equador para atuar na Libertadores.

O Flu foi eliminado da Copa do Brasil na última quinta e volta a campo pelo Brasileiro na próxima segunda contra o Coritiba.