<
>

Manchester United começa Premier League com menor gasto em novos reforços desde 2010; veja ano a ano

O Manchester United inicia neste sábado (19) a campanha na Premier League. Com jogo da primeira rodada adiado, a equipe de Ole Gunnar Solskjaer recebe o Crystal Palace, em Old Trafford, às 13h30, com transmissão ao vivo a exclusiva do FOX Sports e cobertura em vídeos do ESPN.com.br.

Será uma temporada desafiante para os Diabos Vermelhos, não só pelo retorno à Champions League, mas também pela postura no mercado de transferências. Ao contrário de seus principais concorrentes, o United fez uma janela bastante discreta, a ponto de, até agora, gastar o menor valor em uma década.

Para este ano, o time de Manchester contratou apenas Donny van de Beek, meio-campista do Ajax, por 39 milhões de euros (R$ 244,81 milhões) - o goleiro Dean Henderson, outra novidade do elenco, voltou do empréstimo ao Sheffield United.

Soma menor que essa, apenas na temporada 2010-11, quando Sir Alex Ferguson investiu "apenas" 29,3 milhões de euros, nas contratações de quatro jogadores: o goleiro Anders Lingegaard (5 milhões ao Aalesund), o zagueiro Chris Smalling (8 milhões ao Fulham) e os atacantes Bebé (8,8 milhões ao Vitória de Setúbal) e Chicharito (7,5 milhões ao Chivas).

Naquele ano, o Manchester United sagrou-se campeão inglês e da Supercopa da Inglaterra, foi vice da Champions (perdeu a final para o Barcelona, por 3 a 1, em Wembley) e caiu nos mata-matas da Copa da Inglaterra e da Copa da Liga Inglesa.

Desde então, o United sempre gastou mais dinheiro para contratar novos jogadores, ainda que isso não tenha refletido necessariamente em elencos fortes ou conquistas, principalmente após a saída de Ferguson.

Após a aposentadoria do maior técnico de sua história, o clube foi dirigido por David Moyes, Louis van Gaal, José Mourinho e, agora, Solskjaer.

Veja abaixo os gastos temporada a temporada (em euros) e os reforços da equipe*:

2011-12: 62,3 milhões

  • David De Gea - 25 milhões

  • Phil Jones - 19,3 milhões

  • Ashley Young - 18 milhões

2012-13: 76,45 milhões

  • Robin van Persie - 30,7 milhões

  • Shinji Kagawa - 16 milhões

  • Wilfried Zaha - 11,75 milhões

  • Nick Powell - 7,5 milhões

  • Ángelo Henríquez - 5,5 milhões

  • Alexander Büttner - 5 milhões

2013-14: 77,13 milhões

  • Juan Mata - 44,73 milhões

  • Marouane Fellaini - 32,4 milhões

2014-15: 195,35 milhões

  • Ángel Di María - 75 milhões

  • Luke Shaw - 37,5 milhões

  • Ander Herrera - 36 milhões

  • Marcos Rojo - 20 milhões

  • Daley Blind - 17,5 milhões

  • Falcao Garcia - 7,6 milhões

  • Vanja Milinkovic-Savic - 1,75 milhão

2015-16: 156 milhões

  • Anthony Martial - 60 milhões

  • Morgan Schneiderlin - 35 milhões

  • Memphis Depay - 34 milhões

  • Matteo Darmian - 18 milhões

  • Bastian Schweinsteiger - 9 milhões

  • Sergio Romero - 0

2016-17: 185 milhões

  • Paul Pogba - 105 milhões

  • Henrikh Mkhitaryan - 42 milhões

  • Eric Bailly - 38 milhões

  • Zlatan Ibrahimovic - 0

2017-18: 198,4 milhões

  • Romelu Lukaku - 84,7 milhões

  • Nemanja Matic - 44,7 milhões

  • Victor Lindelof - 35 milhões

  • Alexis Sánchez - 34 milhões

2018-19: 82,7 milhões

  • Fred - 59 milhões

  • Diogo Dalot - 22 milhões

  • Lee Grant - 1,7 milhão

2019-20: 214 milhões

  • Harry Maguire - 87 milhões

  • Bruno Fernandes - 55 milhões

  • Aaron Wan-Bissaka - 55 milhões

  • Daniel James - 17 milhões

* Números do site Transfermarket