<
>

Bale 'some' de loja oficial e treinos do Real Madrid; jornal vê Manchester United como única solução possível

play
Van de Beek apronta, descobre solução no mínimo espaço e dá belo drible em amistoso do Manchester United (0:05)

Holandês chegou nesta temporada para ser reforço da equipe ingles na Premier League e outras competições (0:05)

Gareth Bale ainda é jogador do Real Madrid, ainda que as evidências mostrem o contrário. O jornal Marca relatou nesta segunda-feira (14) que o jogador "sumiu" das vitrines da loja oficial do clube, o que aumenta os indícios de que ele não faz parte dos planos.

A camisa 11 de Bale não aparece nas prateleiras das lojas oficiais do Real, que pulam do número 10, de Luka Modric, para a 12, de Marcelo. Em campo, o jogador também está "sumido".

Bale se apresentou ao clube após defender País de Gales na Liga das Nações, mas reclamou de dores no joelho, então fica a maior parte do tempo no departamento médico.

Fora dos planos de Zidane, o atacante galês não tem muitas alternativas para decidir seu futuro. A mais provável, de acordo com o jornal inglês The Times, é o Manchester United.

A equipe de Old Trafford é apontada como a única que é capaz de bancar os salários de Bale. O negócio, se acontecer, seria por empréstimo, para que o Real Madrid deixe de pagar o atacante, enquanto o United ganha tempo para saber se vale a pena investir na contratação em definitivo.