<
>

Everton fala de Jorge Jesus no Benfica, comenta comparação com Cristiano Ronaldo e promete tatuagem de águia

play
Uruguaio comprado por R$ 150 milhões pelo Benfica de Jorge Jesus já faz dois gols em amistoso de pré-temporada (0:49)

Via Twitter @SLBenfica | Darwin Núñez anotou dois dos três gols em amistoso contra o Benfica B (0:49)

Contratado junto ao Grêmio, Everton está a dias do primeiro desafio pelo Benfica: na próxima terça-feira começa a fase prévia da Uefa Champions League, e a equipe portuguesa visita o Paok, da Grécia.

Em entrevista do jornal Record publicada nesta sexta, o atacante falou da expectativa que tinha em trabalhar com Jorge Jesus - rival no Brasil quando ele era técnico do Flamengo.

"Quando o enfrentei, tive muitas dificuldades. Jogamos vários jogos contra ele, mas não ganhamos nenhuma dessas partidas. Ainda empatamos, mas a verdade é que não vencemos nenhum. Agora que trabalho ao lado dele, vejo a diferença que faz por onde passa. E agora espero também vencer ao lado dele", disse.

Campeão da Copa América em 2019 pelo Brasil, Everton acredita que o Benfica "tem valor para chegar longe" na Champions.

"Todos os jogadores sonham conquistar a Champions, e conseguir fazê-lo com esta camisa claro que seria um grande sonho. Com o elenco que temos e com o trabalho que o Mister tem colocado em prática, temos tudo para continuar a evoluir, conquistar títulos, e o Benfica tem valor para chegar longe na Liga dos Campeões. Mas antes de pensar nisso, agora só temos é de estar concentrados nesta fase de acesso", falou.

O atacante tem uma tatuagem de leão (mascote do Sporting, rival lisboeta) nas costas e prometeu uma nova: "Até já brinquei com os meus colegas que se vencer a Liga portuguesa tatuo uma águia com uma taça. Será a próxima tatuagem que irei fazer. Espero que possa ser campeão para fazê-la".

Everton também foi questionado sobre uma declaração de Luiz Felipe Scolari que o comparou a Cristiano Ronaldo.

"É uma referência para mim. Todos os grandes jogadores são uma referência positiva. Temos de tirar o que de melhor cada jogador tem. Ele é incomparável. De um patamar muito alto. Na prateleira dele, só estão Messi e Neymar. Pela minha capacidade física, de resolver jogos no meu antigo clube, ele fez essa comparação, fiquei muito feliz. Só me faz querer crescer mais e ter mais ambição", revelou.