<
>

Messi, Pelé, Ibrahimovic, Henry e mais: compare números de Cristiano Ronaldo com outros artilheiros de seleções

Na terça-feira, Cristiano Ronaldo fez dois gols na vitória sobre a Suécia e alcançou a marca de 101 com a camisa de Portugal.

O craque da camisa 7 é apenas o segundo jogador da história a quebrar a marca centenária com sua seleção - Ali Daei, do Irã, foi o primeiro.

Como se comparam, porém, os números de Cristiano em relação aos maiores artilheiros das seleções campeãs do mundo e também de outras grandes estrelas de seleções periféricas?

Cristiano precisou de 165 jogos para alcançar a marca de 101 gols, uma média de 0,61 gols por partida. Em relação às seleções campeãs do mundo, começamos com a seleção brasileira. O maior artilheiro da pentacampeã é Pelé. O Rei marcou 77 gols em 92 jogos, com uma média de 0,84 por jogo.

Maior artilheiro da história das Copas, Klose também é o maior goleador da Alemanha. Foram 71 gols em 137 jogos oficiais, média de 0,52 por partida.

Lionel Messi é o terceiro maior artilheiro de seleções entre jogadores que não estão aposentados e lidera a lista da Argentina com 70 gols em 138, uma média de 0,51 por partida.

Na Itália, Riva ocupa o 1º posto com 35 gols em 42 jogos, uma bela média de 0,83 por partida. Na Inglaterra, Wayne Rooney, com 53 gols em 120 jogos, uma média de 0,44, é o maior artilheiro.

Thierry Henry lidera a França com 51 gols em 123 jogos, uma média de 0,41. Por fim, David Villa tem 0,6 de média ao anotar 59 gols em 98 jogos e ser o maior artilheiro da história da Espanha.

Podemos, também, comparar os números de Cristiano com outras estrelas de seleções que nunca venceram a Copa. Didier Drogba lidera a Costa do Marfim com 65 gols em 105 jogos, uma média de 0,62.

Ibrahimovic domina na Suécia com 62 gols em 116 jogos, uma média de 0,53. Lewa, naturalmente, lidera a Polônia com 61 gols em 112 jogos, uma média de 0,54.

Eto'o é o maior artilheiro da história de Camarões com 56 gols em 118 jogos, ou uma média de 0,47 por partida. Além disso, Robin van Persie tem 50 gols em 102 jogos, média de 0,49, para ser coroado o maior artilheiro da história da Holanda.