<
>

Champions: Jornal de Manchester culpa 'obsessão de Guardiola por táticas malucas' pela queda do City

O jornal inglês Manchester Evening News apontou um claro culpado pela eliminação do Manchester City para o Lyon, neste sábado, nas quartas da Champions League: o técnico Josep Guardiola.

Na avaliação do diário, a "obsessão" do treinador espanhol por "táticas malucas" para confundir seus rivais acabou sendo decisiva para mais um fracasso dos Citizens na competição continental.

"O grande pensador Pep Guardiola, cuja obsessão por tentar deixar o adversário perplexo com suas escolhas malucas de escalação e táticas malucas e imprevisíveis, teve enorme culpa no desastre do City", detonou.

O veículo avaliou que a escolha do catalão em começar com um trio de zagueiros, com Fernandinho improvisado na defesa, falhou miseravelmente.

"Os celestes ficaram totalmente perdidos com a mudança de sistema tático, e só começarama entrar no jogo depois que o sistema de três defensores foi destacado e a equipe passou a adotar um sistema mais familiar aos jogadores", observou.

O jornal afirma que, no jogo deste sábado, Guardiola deu razão aos seus críticos.

"Muitos críticos de Guardiola dizem que às vezes ele perde por pensar demais nos jogos. E hoje houve bastante evidência para comprovar isso", apontou.

Com a derrota neste sábado, Pep completa o 9º ano sem chegar à final da Champions, e mais uma temporada fracassando com o City no torneio.

Agora, nas 11 edições que disputou da Liga dos Campeões, Guardiola tem dois títulos, cinco quedas nas semis, três nas quartas e uma nas oitavas.

O Lyon, por sua vez, enfrentará o Bayern de Munique na semifinal.