<
>

Paulo Bóia comenta escalação “às pressas” e primeiro jogo como titular no São Paulo

Cria das categorias de base do São Paulo, o atacante Paulinho Bóia fez seu primeiro jogo como titular pela equipe na vitória por 1 a 0 sobre o Fortaleza, na quinta-feira. O jogador de 22, no entanto, só descobriu que começaria a partia minutos antes de entrar em campo. O camisa 38 precisou substituir Vitor Bueno, que se lesionou no aquecimento.

“Eu não sabia da estreia, não sabia que iria sair jogando, tudo foi no aquecimento. O (Vitor) Bueno era dúvida, acabou sentindo e logo o professor me disse que eu entraria jogando. Foi meu primeiro jogo como titular do São Paulo. Estou no clube desde 2013 e sonhava com esse momento. Uma vitória importante, três pontos para começarmos bem o torneio”, disse.

Paulinho foi revelado pelo São Paulo em 2018, mas não foi aproveitado e acabou emprestado ao Portimonense, de Portugal, e ao São Bento. Durante a paralisação futebol, o atacante retornou ao Tricolor e participou de todos os jogos do clube do Morumbi desde então.

Apesar da estreia como titular, Paulinho admitiu que a partida contra o Fortaleza não foi a melhor que teve com a camisa tricolor.

“Reconheço que não foi uma das minhas melhores participações. Foi um jogo muito truncado, sem muitas oportunidades na minha característica que é o 1×1, mas o que vale é a vitória e a confiança que o grupo ganha com o resultado”, afirmou.

Por fim, Paulo Bóia falou que não sabe se irá começar a partida contra o Vasco, no domingo, como titular e destacou a qualidade do adversário.

“Eu ainda não sei se vou jogar, mas se for vou procurar dar meu melhor sempre. Será um jogo difícil. Eles vem de vitória, mas vamos buscar os três pontos”, finalizou.