<
>

Marquinhos extravasa após virada espetacular do PSG sobre Atalanta na Champions: 'Nós merecemos'

play
Neymar resolve, PSG elimina Atalanta com virada incrível e avança à semifinal da Champions League (1:06)

Mario Pasalic abriu o placar, enquanto Marquinhos e Choupo-Moting definiram a vitória por 2 a 1 (1:06)

O zagueiro Marquinhos extravasou após a emocionante vitória de virada do PSG sobre a Atalanta, nesta quarta-feira, pelas quartas da Champions League.

Em entrevista após a partida, o autor do 1º gol dos franceses afirmou que sua equipe "mereceu" ganhar o confronto, apesar dos italianos também terem jogado bem.

"A partida não foi nada fácil. Sabíamos da qualidade que a Atalanta tem. Mas fizemos as coisas muito bem também. Temos uma equipe de grande nível, fizemos uma grande partida, e acho que nossos gols foram muito merecidos, não foi sorte. A gente criou, tentou bastante o gol, tivemos oportunidades. Acabou que o jogo não foi o que a gente queria no início, mas depois deu tudo certo", celebrou.

"A gente sabia da força da Atalanta, isso não foi uma surpresa. A gente sabia que tinha que estar pronto desde o início, mas acabamos tomando um gol que nos fez mal, porque a gente estava bem naquele momento do jogo, havíamos criado ocasiões. Mas futebol é assim. A gente sabe que, quando joga uma partida de alto nível, tudo pode acontecer. A gente estava pronto para sofrer até o final, Sabíamos que não seria fácil, e a gente estava pronto para tudo nesta partida", salientou.

O defensor também destacou o desnível técnico entre os participantes da Champions, já que a Atalanta fez vários jogos oficias pelo Campeonato Italiano antes de jogar a Liga dos Campeões, enquanto o PSG só disputou as finais da Copa da França e da Copa da Liga Francesa, já que a Ligue 1 foi cancelada durante a pandemia de COVID-19.

Para Marquinhos, os jogadores da equipe francesa buscaram motivação extra para igualar.

"Nós jogamos duas finais antes dessa partida, duas finais de copa para nos prepararmos um pouco fisicamente, e trabalhamos muito bem nos treinos, foram intensos. A gente estava muito motivado, tanto a nível físico quanto psicológico. A gente se preparou muito bem", disse.

"A Atalanta teve vários jogos oficiais, mas a motivação sempre esteve aqui. Foi isso que fez a diferença e nos deu a energia para fazer uma grande partida", finalizou.