<
>

Cruzeiro bate Botafogo-SP no Mineirão pela estreia pela Série B do Brasileiro

O Cruzeiro iniciou sua trajetória na Série B do Campeonato Brasileiro com uma vitória e muita emoção. A equipe recebeu o Botafogo-SP no Mineirão, neste sábado, e vencia por 1 a 0 até os 40min do segundo tempo, levou o empate no fim e ainda conseguiu buscar o triunfo por 2 a 1.

O zagueiro Cacá abriu o placar para os mandantes, o atacante Wellington Tanque deixou tudo igual aos 41min da etapa final e Jean, ex-seleção brasileira, marcou o último gol do jogo dois minutos depois.

Vale lembrar que o time celeste começou a competição com a perda de seis pontos, como punição da Fifa por causa de uma dívida. Assim, está com menos três na classificação, enquanto os paulistas ficam zerados.

Em um primeiro tempo sem empolgar e em que o time mineiro criou mais chances, cada goleiro trabalhou bem uma vez; Naldo, aos 11min pelos visitantes, e Marcelo Moreno, aos 23min pelos donos da casa, exigiram intevenções de Fábio e Darley, respectivamente, após conclusões da entrada da área.

Na volta do intervalo, os comandados de Enderson Moreira abriram o placar aos 18min. Raúl Cáceres levantou na medida, e Cacá finalizou de cabeça para o fundo do alvo.

Quando parecida que o triunfo dos mineiros estava garantido, o Botafogo-SP buscou o empate aos 41min com Wellington Tnaque aproveitando rebote após bela defesa de Fábio em cabeceio de Ferreira.

A resposta, no entanto, seria rápida e viria com dois jogadores que saíram do banco. Aos 43min, Welinton fez boa jogada pela esquerda e tocou para Jean, que finalizou da linha da grande área para o fundo da rede.

Ficha técnica

Cruzeiro 2 x 1 Botafogo-SP

GOLS: Cacá e Jean (Cruzeiro); Wellington Tanque (Botafogo-SP)

CRUZEIRO: Fábio; Raúl Cáceres, Cacá, Léo e Giovanni (João Lucas); Jadsom Silva, Ariel Cabral, Régis (Claudinho) e Mauricio (Jean); Stênio (Welinton) e Marcelo Moreno (Thiago). Técnico: Enderson Moreira

BOTAFOGO-SP: Darley; Valdemir, Robson, Jordan e Gilson (Guilherme Romão); Naldo (Ferreira), Victor Bolt e Matheus Anjos (Gustavo Henrique); Ronald, Wellington Tanque e Rafinha (Luketa). Técnico: Claudinei Oliveira

Estatísticas

No 1º tempo, Cruzeiro finalizou mais (8 x 3) e teve mais posse de bola (59%).

A partida acabou com 7 finalizações de cada time, sendo que cada um acertou o alvo em 3 oportunidades. Os mandantes tiveram 52% de posse de bola.

O Cruzeiro chega a 4 vitórias seguidas em jogos oficiais e sofreu gol após 3 partidas sem ser vazado.

Este é o gol de Cacá na temporada - ele marcou uma vez no Estadual.


Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo nesta terça-feira pela Série B do Brasileirão.

  • Terça-feira, 11/8, 20h30*, Guarani x Cruzeiro

  • Terça-feira, 11/8, 19h15*, Botafogo-SP x Confiança

*horário de Brasília