<
>

Palmeiras vence a Ponte Preta com joias da base decidindo e enfrenta o Corinthians na final do Paulista

Foi com um certo sofrimento no final, mas o Palmeiras está na decisão do Campeonato Paulista de 2020.

Neste domingo, no Allianz Parque, o time alviverde venceu a Ponte Preta por 1 a 0 na semifinal da competição.

O dia foi de Gabriel Menino, 19 anos, e Patrick de Paula, 20, que marcou o gol da vitória alviverde no primeiro tempo. As joias da base foram os principais destaques do Palmeiras no jogo.

Com o resultado, o Palmeiras vai à decisão do Paulista e enfrenta o seu arquirrival Corinthians na grande final, que começa já nesta quarta-feira.

Os dois times decidiram o Paulista há dois anos, com o Corinthians sagrando-se campeão em uma final que teve polêmica até meses depois fora de campo, onde o presidente do Palmeiras Maurício Galliotte quis comprovar interferência da TV em um pênalti e chegou a chamar o campeonato de "Paulistinha".

O Palmeiras não é campeão estadual desde 2008.

O histórico mais recente entre os rivais também esquenta o clima para o clássico. No primeiro jogo de ambos na volta do Paulista, o Corinthians venceu o Palmeiras por 1 a 0 em Itaquera.

Ficha técnica

Palmeiras 1 x 0 Ponte Preta

GOLS: Patrick de Paula (PAL)

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Felipe Melo (Luan), Gustavo Gomez e Diogo Barbosa; Patrick de Paula, Ramires (Bruno Henrique), Gabriel Menino (Scarpa); Luiz Adriano, Rony (Lucas Lima) e Willian (Zé Rafael) Técnico: Vanderlei Luxemburgo

PONTE PRETA: Ivan; Apodi (Bruno Reis), Wellington Carvalho, Trevisan, Lazaroni; Dawhan (Danrlei), Jeferson (Moises), Zanocelo e João Paulo; Bruno Rodrigues e Roger (Safira) Técnico: João Brigatti


Estatísticas

Patrick de Paula, de 20 anos, fez seu primeiro gol como profissional pelo Palmeiras

58% de posse de bola teve o Palmeiras no 1º tempo

6 gols levou o Palmeiras no Paulista em 14 jogos, a melhor defesa do campeonato


Primeiro tempo dominado pelo Palmeiras

O time de Vanderlei Luxemburgo talvez tenha feito seus melhores 45 minutos desde a volta do futebol.

O Palmeiras criou as melhores chances e só não abriu o placar antes porque o goleiro da Ponte, Ivan, impediu.

Mas aos 46 da etapa inicial, não teve jeito. Patrick de Paula arriscou de fora da área, a bola desviou e entrou no gol.


Segundo tempo com show dos goleiros

O Palmeiras manteve o controle do jogo na etapa final. Gabriel Menino fez belos lances, toques de letra e até tentou uma bicicleta, mas o time da casa não conseguiu aumentar a sua vantagem.

Vanderlei Luxemburgo experimentou algumas modificações no time nos últimos 45 minutos, com Zé Rafael, Lucas Lima, Scarpa e Bruno Henrique.

O placar só não foi modificado mais vezes por conta dos goleiros. Weverton e Ivan fizeram boas defesas por seus times.


Próximos jogos

O Palmeiras volta a campo na próxima quarta-feira, no jogo de ida da final do Paulista contra o Corinthians, às 21h30.