<
>

Aubameyang decide com golaço, Arsenal vence Chelsea e conquista Copa da Inglaterra pela 14ª vez

O Arsenal é campeão da FA Cup pela 14ª vez!

Neste sábado, a equipe enfrentou o Chelsea na grande decisão no Wembley, venceu por 2 a 1 e abriu vantagem sobre o Manchester United (12) como maior vencedor da história da competição.

O grande destaque foi o gabonês Pierre-Emerick Aubameyang. O camisa 14 anotou os dois gols dos Gunners, o segundo deles um golaço, e garantiu o título para a equipe - Pulisic abriu o placar para os Blues.

A partida começou frenética, com o Chelsea abrindo o placar logo aos 5 minutos. Após linda troca de passes, Giroud ajeitou de calcanhar e Pulisic abriu o placar para a equipe de Frank Lampard.

Depois do gol, o Arsenal foi para cima e conseguiu chegar ao empate. Aubameyang sofreu pênalti de Azpilicueta, bateu e converteu. Na segunda etapa, o gabonês fez história.

Com o jogo equilibrado, era necessário um toque de genialidade para decidir o título e Aubameyang o trouxe ao driblar Zouma e encobrir Caballero para fazer o golaço que garantiu o 14º título da Copa da Inglaterra para os Gunners.

Na sequência, Kovacic foi expulso e prejudicou qualquer possibilidade de reação do Chelsea.

Ficha técnica

Arsenal 2 x 1 Chelsea

GOLS: Aubameyang (2x) (ARS); Pulisic (CHE)

ARSENAL: Martínez, Holding, David Luiz e Tierney (Kolasinac); Bellerín, Ceballos, Xhaka e Maitland-Niles; Pépé, Lacazette e Aubameyang; Técnico: Mikel Arteta

CHELSEA: Caballero, Azpilicueta (Christensen), Zouma e Rudiger; James, Jorginho, Kovavic (expulso) e Marcos Alonso; Mount, Giroud e Pulisic; Técnico: Frank Lampard

Estatísticas

Pulisic fez o gol mais rápido do Chelsea na final da FA Cup desde Roberto Di Matteo em 1997 (primeiro minuto vs Middlesbrough)

Aubameyang fez seu gol de pênalti pelo Arsenal na temporada

Aubameyang é o jogador mais velho a marcar um gol pelo Arsenal em final de FA Cup desde 1932

Aubameyang estreou pelo Arsenal em fevereiro de 2018. Desde então, fez 70 gols pelo Arsenal.

Ninguém na Inglaterra fez tantos gols no período. Salah fez 68 e Aguero 61

Pépé chegou a 10 assistências na temporada


Primeiro tempo frenético!

O primeiro tempo foi muito agitado no Wembley! Logo aos cinco minutos, o Chelsea saiu na frente. Após bela troca de passes, a bola ficou para Giroud dentro da área e o francês deu um lindo toque de calcanhar para Pulisic.

O americano ficou cara a cara com Martínez e mostrou muita tranquilidade para mandar para o fundo da rede e abrir o placar.

Depois do gol, o Arsenal foi ao campo de ataque e começou a pressionar um pouco mais. Os Gunners até chegaram ao empate com um golaço de Pépé, mas a arbitragem anulou por impedimento.

Aos 28 minutos, veio a recompensa. Após lindo lançamento, Aubameyang deixou Azpilicueta na saudade na velocidade, invadiu a área e foi derrubado pelo espanhol. Na cobrança do pênalti, o próprio camisa 14 bateu com muita categoria e empatou.


Aubameyang: gol de gênio!

No segundo tempo, as coisas continuaram agitadas, mas a tônica foi do equilíbrio. As duas equipes buscavam o gol que daria o título, mas esbarravam em ótimas atuações das defesas e um gesto de genialidade seria necessário para decidir a partida.

E ele veio dos pés de Aubameyang. Após arrancada espetacular de Bellerín, a bola sobrou para Pépé que ajeitou para o gabonês. Auba dominou na esquerda, deu um drible espetacular em Zouma e tocou de cavadinha na saída de Caballero para anotar o gol que garantiu a 14ª Copa da Inglaterra para o Arsenal.