<
>

'Para ser campeão de LaLiga, tem que saber sofrer', diz Zidane, após vitória suada do Real Madrid

O Real Madrid ficou muito próximo do título de LaLiga nesta segunda-feira, após vencer o Granada por 2 a 1, com gols de Mendy e Benzema.

Após a partida, o técnico merengue, Zinedine Zidane, reconheceu que sua equipe foi pressionada no final e quase cedeu o empate, mas declarou que, para ser campeão espanhol, tem que "saber sofrer".

"Fizemos um 1º tempo excelente. Na 2ª parte, tivemos que aguentar (a pressão) e sofremos muito. Aguentamos, e, para ganhar a liga, tem que saber sofrer. São três pontos importantíssimos para nós", festejou.

"Foi impressionante o trabalho que todos fizeram hoje. No 2º tempo, não estivemos bem com a bola. Eles aproveitaram e fizeram um gol por culpa nossa, mas aguentamos. A verdade é que não estivemos bem e eles foram muito melhores às vezes, mas conseguimos o resultado esperado", acrescentou.

Questionado sobre seus gritos à arbitragem nos minutos finais do jogo, pedindo que a partida fosse encerrada, Zizou brincou.

"O futebol é muito bonito, mas também se sofre muito... E quando vejo que os jogadores também estão sofrendo, esses gritos são normais, porque os pontos são importantíssimos", salientou.

Com o triunfo desta segunda, o Real chegou à 9ª vitória seguida nos novo encontros disputados pós-confinamento.

"Não é fácil chegar a nove vitórias seguidas. A liga espanhola, para mim, é a mais complicada que há. Não existe partida fácil. Nossa esperança é sempre ganhar, porque temos qualidade para isso. E estou muito orgulhoso de meus jogadores", ressaltou.

O Madrid está só a três pontos de ser campeão espanhol. Se a equipe de Zidane ganha do Villarreal, no Alfredo Di Stéfano, nesta quinta-feira, será campeã. Mas o treinador francês pede calma.

"Faltam duas partidas. Até o momento, ainda não somos campeões de nada. Hoje foram três pontos importantíssimos, estamos felizes, mas ainda restam seis pontos em disputa e veremos o que acontecerá na quinta-feira. Temos que nos recuperar bem fisicamente e depois pensar no Villarreal", observou.