<
>

Real Madrid repete sequência que embalou 11ª Champions e agora pode quebrar domínio do Barcelona

play
Sergio Ramos, vice-artilheiro do Real Madrid em LaLiga, mostra pontaria em dia em treino (0:20)

O zagueiro espanhol tem 10 gols na competição (0:20)

O Real Madrid volta a campo nesta segunda-feira, por LaLiga, para dar mais um passo rumo ao título espanhol. Em jogo transmitido ao vivo pela ESPN Brasil e pelo ESPN App, os merengues enfrentam o Granada, fora de casa, às 17h, dispostos a manter uma fase impecável.

Zinedine Zidane e suas estrelas não desperdiçaram um mísero ponto desde que a bola voltou a rolar pelos gramados da Espanha. Em oito jogos, todos de LaLiga, são oito vitórias, 100% de aproveitamento, com 15 gols a favor e apenas dois sofridos.

Uma série como essa, de somar tantos pontos seguidos, não acontecia com o Real há mais de quatro anos. Se a invencibilidade atual parece levar rumo ao título espanhol e interromper a sequência de duas conquistas do rival Barcelona, a anterior garantiu outra conquista: a Champions League.

Na ocasião, Zidane tinha assumido há poucas semanas o lugar de Rafa Benítez. Com o francês no comando, o Real Madrid fez uma reta final de LaLiga avassaladora e venceu todos os 12 últimos adversários. Mas nem o aproveitamento perfeito impediu o título do Barça de Luis Enrique e o trio MSN: Messi, Suárez e Neymar.

Mas aquela boa fase foi o trampolim para o Real Madrid garantir o 11º título continental, o primeiro de Zidane como treinador. Na fase final, o time blanco passou por Roma, Wolfsburg e Manchester City para vencer o rival Atlético de Madrid na decisão, disputada no San Siro, em Milão.

Os números do passado agora inspiram a busca por um novo caneco para a imensa coleção. O Real Madrid lidera LaLiga, com 80 pontos, um acima do Barcelona, mas um jogo a menos. Ou seja, precisa de cinco pontos nas três rodadas que restam para comemorar a 11ª conquista sob a batuta de Zidane.