<
>

Salah brilha, Liverpool vence Brighton e segue na caça de recorde de pontos da Premier League

O Liverpool segue na caça do recorde de pontos da Premier League!

Nesta quarta-feira, os Reds visitaram o Brighton, venceram por 3 a 1 graças a uma excelente atuação de Salah, que marcou dois e deu assistência para o gol de Henderson - Trossard descontou -, e seguem em busca dos 100 pontos.

Com o resultado, o Liverpool, já campeão, chegou aos 92 pontos em 34 rodadas. Com 4 rodadas por disputar, os Reds ainda podem alcançar a marca de 104 pontos, o que seria um recorde na história da Premier League.

O Manchester City, na temporada 2017/2018, foi campeão com exatos 100 pontos.

Já o Brighton segue na 15ª colocação com 36 pontos, 9 a mais que o Aston Villa, primeiro time na zona de rebaixamento e que ainda joga na rodada.

O Liverpool começou a partida arrasador e já liderava por 2 a 0 com menos de 10 minutos de partida. O Brighton descontou antes do intervalo e deu uma esperança em seu torcedor, mas dois baldes de água fria acabaram com a ilusão.

Primeiro um incrível gol perdido pelo defensor Burn e depois o segundo gol de Salah, de cabeça, que definiu o placar.

Ficha técnica

Brighton 1 x 2 Liverpool

GOLS: Trossard (BRI); Salah e Henderson (LIV)

BRIGHTON: Ryan, Lamptey, Webster, Dunk e Burn; Stephens, Propper, Gross, Mac Allister e Trossard; Maupay; Técnico: Graham Potter

LIVERPOOL: Alisson, Alexander-Arnold, Gomez, Van Dijk e Williams (Robertson); Keita, Wijnaldum e Henderson; Salah, Firmino e Oxlade-Chamberlain;; Técnico: Jurgen Klopp

Estatísticas

O gol de Salah encerrou um jejum de 467 minutos do Liverpool sem marcar gols fora de casa em todas as competições

Foram 5 jogos seguidos como visitante sem marcar para o Liverpool, o último gol fora de casa havia sido marcado por Mané em 15 de fevereiro

O Liverpol ficou 144 dias sem marcar um gol fora de casa na Premier, 3 dias a menos que a pior marca da história do clube, entre 2009/2010 e 2010/2011.

Salah fez mais de um gol fora de casa pela primeira vez desde dezembro de 2018 quando fez 3 diante do Bournemouth


Primeiro tempo maluco!

O primeiro tempo foi insano no Amex. O Liverpool começou com tudo, marcando pressão os donos da casa e conseguiu fazer 2 a 0 em menos de dez minutos, graças à essa pressão muito bem armada.

Aos 6 minutos, Keita pressionou a saída de bola, retomou na entrada da área adversária e rolou para Salah, que só tocou para o fundo da rede.

Dois minutos depois, foi a vez de Salah aproveitar roubada no campo de ataque para servir Henderson. O capitão bateu de primeira da entrada da área e fez um golaço, deixando o Brighton contra as cordas com menos de 10 minutos.

Os donos da casa, porém, conseguiram se manter em pé e evitar o nocaute, inclusive ensaiando uma reação nos minutos finais da primeira etapa. Já nos acréscimos, Lamptey levou pela direita e cruzou na medida para Trossard. O belga aproveitou falha de posicionamento de Joe Gomez e emendou um bonito voleio de primeira para fazer um golaço e diminuir o placar.


Brighton martela, perde gol incrível e vê Liverpool aumentar

Precisando do resultado para se tranquilizar de vez na luta contra o rebaixamento, o Brighton se lançou ao ataque e foi para cima do Liverpool.

Os donos da casa martelaram, martelaram e martelaram, mas uma atuação sólida da defesa do Liverpool evitou a criação de chances. No único vacilo do sistema defensivo do Liverpool, porém, o Brighton teve uma chance de ouro.

Após cruzamento da direita, o zagueiro Burn apareceu livre na pequena área, de frente para a Alisson, mas bateu de canela na bola e perdeu uma chance incrível.

Como diz o ditado, o castigo veio a cavalo. Minutos depois, Henderson cobrou escanteio na pequena área e Salah se antecipou à zaga, surpreendeu todo mundo e cabeceou para o fundo da rede.


Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo no fim de semana, pela Premier League.

  • Sábado, 11/07, 16h*, Brighton x Manchester City

  • Sábado, 11/07, 11h*, Liverpool x Burnley

*horário de Brasília