<
>

Premier League: Campeão Liverpool inicia caça a recordes que ainda pode bater na temporada; veja lista

play
Liverpool, enfim, será recepcionado pela 'Guarda de Honra'; relembre cerimônias históricas (2:37)

Em abril de 2013, vestindo a camisa do United, Van Persie protagonizou uma das recepções mais constrangedoras da história da Premier League ao ser aplaudido pelo elenco do Arsenal, seu ex-time (2:37)

O Liverpool vai a campo pela primeira vez como campeão da Premier League nesta quinta-feira. Sete dias após a confirmação do título, os Reds visitam o Manchester City, em clássico com transmissão ao vivo da ESPN Brasil e ESPN App a partir das 16h15.

Alguns podem até dizer que a partida, para quem já é campeão com sete rodadas de antecedência, tem pouco valor. Mas não é bem assim para quem vive em Anfield.

Se o título já veio, começa agora a caça pelos recordes do Campeonato Inglês que ainda não foram batidos. Com a inquestionável campanha da atual temporada, a equipe de Jurgen Klopp já conquistou cinco honrarias. Restam oito para marcar - ainda mais - o nome entre os maiores campeões que o país já viu.

Veja abaixo os recordes que faltam e os que já foram batidos:

Recordes a serem batidos

PONTUAÇÃO
O Liverpool tem 86 pontos e precisa somar mais 15 para superar o Manchester City da temporada 2017-18, que fechou o campeonato com 100. Se vencer todas as partidas que faltam, chega a 107.

VITÓRIAS
São 28 vitórias para a equipe de Klopp, que, com mais cinco nas sete rodadas restantes, deixa para trás o City de 2017-18. A equipe de Guardiola venceu 32 dos 38 jogos realizados há duas temporadas.

VITÓRIAS EM CASA
Até qui, o Liverpool venceu todos os 16 compromissos em Anfield. Vai precisar manter o aproveitamento impecável para deixar para trás os três atuais recordistas: Chelsea 2005-06, Manchester United 2010-11 e City 2017-18, que venceram 18 partidas como mandante.

PONTOS EM CASA
Os Reds somaram 48 pontos em Anfield, sete a menos que Chelsea, United e City nas campanhas citadas acima. Ou seja, o único jeito de obter este recorde é vencer Aston Villa, Burnley e Chelsea nas rodadas finais.

VITÓRIAS FORA DE CASA
São 12 triunfos como visitante, quatro a menos que, adivinhe, o City de 2017-18, com impressionantes 16 vitórias fora do Etihad Stadium. No caminho do Liverpool, estão o próprio Manchester e mais Brighton, Arsenal e Newcastle, na última rodada.

play
2:37

Liverpool, enfim, será recepcionado pela 'Guarda de Honra'; relembre cerimônias históricas

Em abril de 2013, vestindo a camisa do United, Van Persie protagonizou uma das recepções mais constrangedoras da história da Premier League ao ser aplaudido pelo elenco do Arsenal, seu ex-time

PONTOS FORA DE CASA
O Liverpool fez 38 pontos na atual temporada fora de sua casa. Com mais 12 a disputar, a equipe de Klopp só pode igualar o, claro, Manchester City de 2017-18, que somou metade de seus 100 na condição de visitante.

GOLS
Este parece o mais difícil de ser batido. O ataque liderado por Salah, Firmino e Mané tem 70 gols na atual temporada, uma marca de respeito, mas ainda bem abaixo dos 106 do City de Guardiola, há duas temporadas. Ou seja, a equipe precisa balançar as redes 37 vezes nos sete últimos jogos, uma média de mais de cinco gols por jogo.

VANTAGEM NA LIDERANÇA
Aqui, basta manter o ritmo. O Liverpool entra em campo nesta quinta com 23 pontos a mais que o vice-líder City. Isso já é superior ao recorde, feito pelo mesmo Manchester em 2017-18, campeão com 19 pontos de vantagem sobre o United.

Recordes já batidos

  • Campeão mais cedo: 7 rodadas de antecedência

  • Melhor início de campanha: 26 vitórias em 27 rodadas

  • Mais vitórias consecutivas: 18, empatado com o Manchester City de 2017-18

  • Venceu todos os adversários: empatado com 4 times (Chelsea 2005-06, Manchester United 2010-11 e Manchester City 2017-18 e 2018-19)

  • Vitórias consecutivas em casa: 23

play
0:44

Salah cita jogos importantes e diz quando percebeu que o Liverpool venceria a Premier League

Egípcio do Liverpool concedeu entrevista exclusiva a Natalie Gedra, correspondente dos canais ESPN na Inglaterra