<
>

São Paulo: Cicinho diz que Daniel Alves deveria jogar na lateral e aposta em volta de Rogério Ceni

play
No Bola da Vez, Luis Fabiano revela proposta 'tentadora' do Corinthians e brinca sobre ligação que o fez ir para o São Paulo (1:08)

Atacante foi o convidado especial do programa do último sábado (27) (1:08)

Cicinho foi o entrevistado do "Canal do Nicola", do comentarista da ESPN Jorge Nicola, nesta segunda-feira. Entre os assuntos comentados pelo ex-lateral-direito, um deles foi o São Paulo, clube em que viveu a melhor fase da carreira.

Campeão paulista, da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes pelo Tricolor em 2005, Cicinho é visto como um dos últimos laterais com bom desempenho pelo clube. Como conhece a posição, ele acredita que Daniel Alves, meio-campista desde que chegou ao Brasil, deveria atuar na ala.

"Como ex-jogador, creio que o Daniel rende muito mais como lateral do que como meio-campo. No São Paulo está rendendo legal, mas creio que na lateral poderia render muito mais. É um cara inteligente, sempre estaria de frente para o jogo e ajudaria com os lançamentos longos, para um ataque muito rápido. Poderia acrescentar mais, até porque liberaria uma vaga para o Hernanes no meio-campo. Minha torcida é para que ele jogue na lateral no São Paulo", disse o ex-camisa 2.

Cicinho também falou de Rogério Ceni, seu companheiro nas duas passagens pelo São Paulo (2004-05 e 2010). O ex-lateral aposta que o amigo, que hoje faz sucesso no comando do Fortaleza, voltará ao Morumbi em breve para um novo trabalho como treinador.

"Trabalhei com ele, sei do caráter, da paixão que tem pelo futebol. Ele teria que ter tido um tempo maior no São Paulo, até pelo ídolo que é. E hoje está fazendo um trabalho fantástico no Fortaleza. Em breve vamos vê-lo em um time ainda maior. O futuro dele é no São Paulo. Hoje o São Paulo tem o Diniz, que está fazendo um trabalho espetacular, mas creio que, em breve, vamos ver o Rogério Ceni comandando o São Paulo com muita maestria e sabedoria".

Além do São Paulo, Cicinho defendeu Botafogo-SP, Atlético-MG, Botafogo, Real Madrid, Roma, Villarreal, Sport, Sivvaspor e Brasiliense, onde se aposentou. Além disso, atuou pela seleção brasileira entre 2005 e 2007.