<
>

Corinthians: Cantillo não sai de graça em julho, assegura Andrés Sanchez

As especulações da mídia colombiana sobre um retorno de Víctor Cantillo ao Junior Barranquilla aumentam, de forma que a equipe afirma que pode exigir o retorno do jogador caso a parcela de sua compra não seja quitada pelo Corinthians até o dia 27 de julho, quando acaba o período de empréstimo do jogador.

No entanto, em entrevista para o blog de Jorge Nicola, no Yahoo, Andrés Sanchez nega que o clube paulista deixará o titular sair da equipe de graça: "Ele vai ficar no Corinthians e nós vamos pagar a parcela de julho. O que acontece é que tentamos negociar com o Junior uma prorrogação do pagamento".

O cláusula de compra do contrato do colombiano é de 3 milhões de dólares (R$ 16,3 milhões na cotação atual), de forma que o combinado era o pagamento de US$ 900 mil em janeiro (feito), US$ 600 mil agora em julho e mais US$ 1,5 milhão no meio de 2021.

O aumento do dólar e a crise trazida pela pandemia do novo coronavírus fizeram o Corinthians pedir um novo prazo para o pagamento de julho, mas o Junior não aceitou. Agora, o time alvinegro espera o pagamento de 20 milhões de euros (R$ 122 milhões) do Benfica pela compra de Pedrinho para poder se acertar com o Junior.