<
>

Após volta do Getafe, Palmeiras dá 30 dias de férias a Deyverson e procura novo clube para atacante

Após ser devolvido pelo Getafe, da Espanha, o atacante Deyverson voltou a ser efetivamente jogador do Palmeiras.

No entanto, ele não será reintegrado ao elenco, já que o Verdão busca um novo destino para o atleta.

Segundo apuraram a ESPN e o FOXsports.com.br, o centroavante terá 30 dias de férias concedidos pela equipe paulista, já que não teve descanso enquanto estava incorporado às fileiras do Getafe (o elenco palestrino tirou férias em maio).

O período passará a ser cumprido a partir do encerramento de seu vínculo com o Getafe, que acaba nesta terça-feira, 30 de junho.

Enquanto isso, a diretoria palmeirense e o estafe de Deyverson trabalharão para encontrar um novo clube para Deyverson.

Segundo apurou a reportagem, seus empresários já conversam com clubes estrangeiros.

A tendência é que o atleta permaneça no exterior, provavelmente na Espanha, onde ele tem mercado aberto (além do Getafe, também defendeu Levante e Alavés no país)

Caso não consiga fechar a venda e mude de ideia sobre a reintegração, Deyverson poderá voltar a ser utilizado a partir de 30 de julho, quando acabam suas férias.

Durante o período no Getafe, o atleta disputou sete jogos e marcou um gol.

A equipe da grande Madri tinha planos de contratar o jogador em definitivo por 6 milhões de euros (R$ 36,55 milhões).

Todavia, a crise financeira gerada pela pandemia mundial de COVID-19 impediu que a ideia fosse levada adiante.