<
>

Clube russo é punido por ofensas racistas contra Malcom, ex-Corinthians

Atualmente no Zenit, o atacante Malcom, ex-jogador do Corinthians, sofreu com o racismo no último final de semana.

Torcedores do CSKA - na Rússia, os jogos acontecem com público - imitaram macacos em direção ao brasileiro no duelo de sábado, que terminou com vitória por 4 a 0 dos visitantes.

Nesta terça-feira, a Federação Russa puniu o CSKA em 100 mil rublos (R$ 7,4 mil) por conta das atitudes de seus torcedores, que vieram enquanto o brasileiro comemorava um de seus dois gols na partida.

Desde a volta do Campeonato Russo, Malcom tem brilhado com a camisa do Zenit e ajuda a equipe a ocupar a liderança com 53 potnos, nove a frente do vice-líder Lokomotiv Moscou, com sete rodadas por jogar.