<
>

Jadon Sancho sente pressão com rumores do futebol inglês, diz companheiro de Dortmund

O meia do Borussia Dortmund, Thomas Delaney, disse à ESPN que o seu companheiro de equipe, equipe Jadon Sancho, está sentindo a pressão em meio a especulações que ligam o jovem inglês a uma saída do clube alemão.

Fontes disseram à ESPN que Manchester United e Bayern de Munique estão interessados em contratar Sancho nesta janela de transferências, mas o Dortmund acredita que pode segurar seu jogador e vendê-lo por cerca de 120 milhões de euros.

"Claramente, um dos jogadores mais talentosos com quem já joguei", disse Delaney ao podcast Gab & Juls. "Com esse talento, há muita pressão, e acho que ele está começando a sentir isso lentamente, tanto da seleção da Inglaterra quanto dos clubes que o cercam agora."

"Até este ponto, ele tem tido um desempenho melhor do que o esperado, mas sempre haveria um próximo passo, e isso será interessante [de ver]. O próximo passo em sua carreira e no seu desenvolvimento."

"Apenas analisando suas habilidades, ele definitivamente tem o que é preciso para se tornar um dos cinco melhores do mundo. Você vê grandes talentos desperdiçados, e eu diria que ele já fez o suficiente para se provar."

"Ele tem 19 e o melhor número de participações em gols, junto com Timo Werner e [Robert] Lewandowski, o que é incrível, mas ele vai querer ainda mais".

Delaney também elogiou os companheiros de equipe Erling Haaland e Gio Reyna pelo que já fizeram nesta temporada e disse que os dois jogadores ainda podem melhorar.

"Eu vejo um jovem [Haaland] que faz tudo para melhorar", disse ele. "Esse cara é irritante às vezes porque tudo tem que estar no ponto com treinamento e alimentação.

"Acho que ele definitivamente se beneficiou de ter algumas pessoas ao seu redor, especialmente seu pai, que sabem como as coisas funcionam no futebol. Com Erling, nem preciso mencionar os números."

"Com o Gio também, um garoto americano que chegou no ano passado, viajou muito de um lado para o outro e ainda está melhorando, mas é um jogador que pode se esperar ainda mais, porque nos treinos ele joga muito bem".

Todos os quatro jogadores participaram da derrota do Borussia para o Bayern por 1 a 0 na terça-feira, o que complica – e muito – as chances do Dortmund de vencer a Bundesliga pela primeira vez desde 2012.

Haaland sofreu uma lesão durante a partida, mas o técnico Lucien Favre disse que foi apenas uma pancada.