<
>

Marco Bobsin: Após quase dois meses com Covid-19, vice do Grêmio deixa a UTI

play
'Laboratório para todos os outros campeonatos regionais', diz presidente do Grêmio sobre retorno do Gaúcho (1:15)

Romildo Bolzan falou sobre possível volta dos jogos no Rio Grande do Sul (1:15)

Nesta segunda-feira, o vice-presidente do Grêmio, Marco Bobsin, deixou a Unidade de Tratamento Intensivo do hospital em que está.

O dirigente estava na UTI desde março, quando foi diagnosticado com coronavírus, junto com outros nove funcionários do clube.

Agora internado no quarto, Bobsin, que faz parte do grupo de risco da doença, passará por sessões de fisioterapia para recuperar a parte física.

Ele foi o último dos funcionários diagnosticados a se recuperar.

Além dele, o presidente Romildo Bolzan, os vices Claudio Oderich e Adalberto Preis, o diretor-executivo de marketing Beto Carvalho e Eduardo Fernandes, assessor das categorias de base, também testaram positivo para a doença.

Recentemente, com a retomada dos treinamentos do Grêmio, Diego Souza e mais dois funcionários também contraíram a Covid-19.