<
>

Grupos de conselheiros apoiam candidatura de Casares à presidência do São Paulo

play
No Bola da Vez, Aguirre fala de relação com Raí e demissão no São Paulo: 'Não entendi o final da história' (1:44)

Diego Aguirre é o convidado do Bola da Vez do próximo sábado, às 22h, na ESPN Brasil e no WatchESPN (1:44)

Apontado como um dos possíveis nomes para assumir a presidência do São Paulo em 2021, Julio Casares recebeu o apoio de sete grupos de conselheiros para a sua candidatura.

O conjunto de partidos também aprovou a indicação de Olten Ayres de Abreu Junior para assumir o cargo de mandatário do Conselho Deliberativo do clube. As informações foram publicadas na noite da última quarta-feira pelo Globoesporte.com.

As indicações, no entanto, não representam o lançamento oficial de uma chapa, mas sim uma coalizão entre grupos distintos da política do Tricolor, com partidos da situação, do chamado “centrão” e membros independentes do conselho.

A possível chapa recebeu, inclusive, o apoio do atual presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, e de seu adversário nas últimas eleições, José Eduardo Mesquita Pimenta, que foi mandatário do São Paulo entre os anos de 1990 e 1994.

Estima-se que a união destes grupos abrange cerca de 130 conselheiros. No ano de 2017, Leco foi reeleito com 124 votos, contra 101 de Pimenta.

Em contato com a reportagem, Julio Casares afirmou que, por ora, prefere não falar sobre o assunto. As eleições no São Paulo estão marcadas para o mês de novembro, quando também deve ocorrer uma renovação no quadro de conselheiros.