<
>

'O milagre de Diego': jornal lembra que 'virada de mesa' na Argentina salva time de Maradona de rebaixamento

play
Daniel Alves 'recria' conceito de batucada, usa utensílios domésticos para fazer a própria música e impressiona (2:40)

Jogador do São Paulo publicou o vídeo nas redes sociais - Instagram @danialves (2:40)

Nesta segunda-feira (27), o jornal argentino Olé afirmou que Diego Maradona foi salvo, dessa vez por uma decisão de Cláudio Fabián Tapia, atual mandatário da Associação do Futebol Argentino.

Nesta segunda-feira, o presidente anunciou que não haverá rebaixamento durante duas temporadas na primeira divisão do futebol argentino, mas que a promoção de times da Série B será mantida.

A ideia é aumentar o número de equipes na liga principal, para cuidar melhor da economia dos clubes, permitindo que eles enfrentem a crise gerada pela pandemia do novo coronavírus.

O Olé não hesitou em chamar a decisão de o “milagre de Maradona”, já que a decisão livrou o atual clube do treinador, o Gimnasia y Esgrima do rebaixamento.

Agora, o técnico Maradona não precisa se preocupar com um possível rebaixamento do Gimnasia, que soma 23 pontos e ocupa a 19ª colocação do campeonato. Apesar de não ocupar a zona de rebaixamento, o treinador teria uma dura sequência de jogos, precisando bater diversos concorrentes no Z4.

Com 10 partidas a serem disputadas, o Gimnasia ainda tem jogos contra o Central Córdoba (18º), Patronato (20º), Colón (23º), Aldosivi (22º), Banfield (17º), Rosario Central (9º) e o Newells’(10º), além de um duro duelo contra o líder Boca Juniors.