<
>

Henrique, do Fluminense, revela rotina e mostra preocupação com duração da quarentena

A quarentena por conta da pandemia do novo coronavírus alterou a rotina de todos. No Fluminense, os jogadores estão tendo que treinar em casa. Por outro lado, os atletas puderam ficar mais próximos de suas famílias, como não acontecia até o mês passado. O volante Henrique falou sobre seu dia a dia neste período.

Volante do Flu, Henrique mostrou preocupação com a quarentena

“Graças a Deus formamos uma família muito unida e transparente. Conversamos muito sempre, até mesmo com a Alícia que é mais novinha. Mas é claro que esta é uma situação nova que temos que ter criatividade e tranquilidade para contornar. Crianças têm desejos, vontades, que temos tentado suprir com outras coisas. Algumas aulas, por exemplo, temos conseguido manter com a ajuda da tecnologia, via Skype. E assim vamos em frente. O mais importante é termos em mente que isso é apenas um período. O quanto melhor fazermos nossa parte agora, mais rapidamente poderemos retomar nossa vida normal”, disse.

Henrique admitiu que a situação pode complicar para todos com o passar do tempo. O volante pediu tranquilidade diante do futuro incerto.

“Por enquanto, estamos vivendo bons momentos apesar da motivação. O problema maior está na questão de quanto tempo vai durar. Na medida que o tempo passa, as coisas tendem a ser repetitivas, isso vai gerar um cansaço, uma impaciência, sabemos disso. Um dos grandes desafios dessa fase é diversificar as nossas atividades, porque as coisas tendem a ser repetitivas. Mas temos de ter paciência e a cabeça no lugar. Manter a mente saudável é fundamental para deixar tudo em ordem e viver bons momentos em família nessa fase complicada para todos nós enquanto sociedade”, declarou.

O elenco do Fluminense está em férias coletivas até o dia 20 de abril. Até o momento não se sabe quando os trabalhos irão retornar no clube visando o reinício da temporada.