<
>

Com o futebol paralisado, Santos antecipa férias para jogadores e funcionários

Em respeito à decisão tomada Conselho Nacional de Clubes e CBF na última quinta-feira, o Santos anunciou neste domingo que irá conceder férias antecipadas a jogadores, comissão técnica e funcionários do clube a partir do primeiro dia de abril.

A princípio, as férias terão duração até o dia 20 de abril, porém, a nota divulgada pelo Peixe deixa claro que há a possibilidade de prorrogação ao fim do período pré-estabelecido, caso a paralisação das atividades futebolísticas não seja alterada até lá.

O Santos esclarece que os salários referentes ao mês de abril serão pagos no quinto dia útil de maio, abrindo a possibilidade de negociação em relação ao parcelamento desses valores. Já o terço adicional sobre as férias será pago até dezembro. Os funcionários da área de Recursos Humanos do clube não entrarão em recesso e trabalharão em suas residências.

Ainda não há perspectiva em relação ao retorno das partidas de futebol, já que a normalização estará relacionada à evolução do combate ao coronavírus. Dessa forma, o Campeonato Paulista e a Copa Libertadores, competições das quais o Santos participa, permanecem paralisadas.