<
>

Cristiano Ronaldo passeia com a família durante quarentena e cria polêmica

Em meio à paralisação de boa parte do futebol europeu por causa do coronavírus, Cristiano Ronaldo aproveitou o domingo para passear com a família na cidade portuguesa de Funchal. Flagrado por fotógrafos, o jogador acabou gerando uma polêmica.

Ronaldo foi bastante criticado nas redes sociais por não permanecer em isolamento absoluto. Alguns fãs apontaram que o craque da Juventus deveria dar exemplo neste período de luta contra a pandemia do coronavírus.

Em Portugal, porém, as recomendações do governo são mais brandas do que em boa parte da Europa, justamente porque o país registrou menos casos até o momento do que diversos vizinhos. São 5.962, contra 40.174 da França, 60.659 da Alemanha, 78.799 da Espanha e 97.689 da Itália, por exemplo.

O governo local determinou uma política de isolamento voluntário para a população e não proibiu saídas esporádicas de casa, desde que as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) sejam respeitadas, como o distanciamento de pelo menos um metro para as outras pessoas.

Ronaldo deixou Turim e voltou para a Ilha da Madeira assim que a Juventus confirmou seu primeiro diagnóstico de COVID-19 no elenco, de Rugani. Depois disso, Matuidi e Dybala também testaram positivo para o vírus.