<
>

Real Madrid libera Bernabéu para armazenar material sanitário e doações contra coronavírus

O Real Madrid vai transformar o estádio Santiago Bernabéu em um armazém de material sanitário após um acordo alcançado com o Conselho de Superior de Esportes (equivalente a um ministério) da Espanha.

O projeto se baseia no armazenamento e na distribuição de itens sanitários para a luta contra o coronavírus, conforme anunciou o clube da capital.

O material será entregue às autoridades sob a supervisão do governo espanhol para que, segundo o Real Madrid, se possa fazer um “uso ótimo e eficiente destes recursos, tão necessários ante a atual emergência sanitária”.

Do mesmo modo, o clube tentará facilitar a chegada de doações das empresas que queiram cooperar para depois levá-las ao Ministério da Saúde, que será o responsável por distribuir todo o material dado.

Tal medida do Real Madrid é outra ação após a doação que o próprio clube fez há uns dias por iniciativa de seu presidente, Florentino Pérez. O Real decidiu na segunda-feira realizar uma contribuição de material sanitário à Comunidade de Madrid para combater a crise do coronavírus.

Vários jogadores do elenco merengue, enquanto isso, também farão aportes econômicos e de material sanitário, sempre supervisionados pelo Ministério da Saúde, com caráter privado.