<
>

Relação com Milan é 'congelada', e jornal cogita aposentadoria de Ibra: 'não precisa de dinheiro'

play
Immobile faz agachamentos com filho e bebê começa a rir a cada movimento do pai (0:14)

Atacante da Lazio treinou com o filho enquanto está em quarentena (0:14)

Com a paralisação do Campeonato Italiano por conta da pandemia do coronavírus, o Milan fechou os portões do seu centro de treinamento e, com isso, Zlatan Ibrahimovic voltou para a Suécia. Mas, de acordo com o jornal italiano La Gazetta dello Sport, o retorno ao país natal durante o ‘congelamento’ das atividades do Milan fazem Ibra cogitar aposentadoria.

Na matéria, o períodico adicionou que o centroavante percebeu qual rumo tomar ao final de sua carreira e não precisa insistir em um clube cuja pretensão é se “classificar para próxima Liga Europa ou nada”.

“Ibrahimovic não precisa de dinheiro, não precisa de fama. Ele precisa de um projeto, que atualmente está congelado. Ibra e seu futuro destino, o final de sua carreira, ficam fora da administração comum de um clube que navega entre a possibilidade de se classificar para próxima Liga Europa ou nada”, escreveu o jornal italiano.

Após o final de seu contrato com o LA Galaxy, da MLS, o sueco assinou um contrato com o Milan, no final de fevereiro de 2019. No retorno à Itália, Ibra participou de dez partidas e fez quatro gols. O sueco completará 39 anos em outubro deste ano.