<
>

Premier League: Com Robinho e Jô, jornal lista piores contratações da história da competição

play
Liverpool de olho em Timo Werner, Chelsea interessado em volante do West Ham e mais: Natalie Gedra traz principais notícias da Inglaterra (1:10)

Quarentena do coronavírus parou o Reino Unido, mas as notícias seguem a todo vapor no futebol (1:10)

O jornal espanhol As fez uma galeria de fotos elegendo as piores contratações da história da Premier League. Na lista com 22 nomes, dois são brasileiros e foram passaram pelo Manchester City: Jô e Robinho.

Jô foi Contratado por 24 milhões de euros no meio de 2008, quantia que na época representava a segunda maior transação da história do clube – atrás de Robinho -, o atleta formado pelo Corinthians chegou em um momento de transição da equipe, que viria a ser adquirida pelo sheik árabe Mansour bin Zayed Al Nahyan pouco depois, e não rendeu o que havia sido planejado. O atacante acabou emprestado para o Everton no começo de 2009 e também não brilhou.

Vendido pelo Real Madrid ao Manchester City como esperança para ser o grande jogador de uma nova fase do clube inglês, Robinho não conseguiu o sucesso esperado. Depois de um ano e meio, acabou emprestado ao Santos por seis meses e, na sequência, foi negociado com o Milan em definitivo, por um valor de 18 milhões de euros.

A lista ainda conta com nomes consagrados, como Andriy Shevchenko, que não foi bem no Chelsea, e Juan Sebastían Verón, que não teve o mesmo nível no Manchester United. Mas também tem um caso particular, o de Ali Dia.

O senegalês ligou para vários clubes dizendo ser primo de George Weah, melhor do mundo naquele ano de 1995. O Southampton mordeu a isca e o contratou. A estreia aconteceu graças a uma lesão do atacante titular, Matt Le Tissier. Mas 52 minutos depois, Dia já foi substituído, quando percebeu-se que ele claramente não era jogador de futebol.

(Os valores citados são do site Transfermarkt)

Veja a lista do As de piores contratações da história da Premier League:

  • Ali Dia - Southampton

  • Winston Bogarde - Chelsea

  • Adrian Mutu - Chelsea

  • Juan Sebastián Verón - Manchester United

  • Jozy Altidore -Sunderland

  • Mario Balotelli - Liverpool

  • Ángel Di María - Manchester United

  • Fernando Torres - Chelsea

  • Roberto Soldado - Tottenham

  • Gervinho - Arsenal

  • Marko Marin - Chelsea

  • Andy Carroll - Liverpool

  • Bebé - Manchester United

  • Savio Nsereko - West Ham

  • Jô - Manchester City

  • Robinho - Manchester City

  • Robbie Keane - Liverpool

  • Andriy Shevchenko - Chelsea

  • Albert Luque - Newcastle

  • Antonio Nuñez - Liverpool

  • Djemba-Djemba - Manchester United

  • El-Hadji Diouf - Liverpool