<
>

Eduardo Salvio, do Boca Juniors, ganha dinheiro vendendo controles para videogames

play
Dybala com faro de gol e vitória fácil da Juventus: veja simulação do confronto de Genoa x Juve pelo Italiano (1:39)

Série de jogos que deveriam acontecer estão sendo simulados no game Fifa 20 (1:39)

O videogame é uma paixão de muitos jogadores de futebol, mas para Eduardo Salvio, ponta do Boca Juniors, é muito mais do que um hobby.

O argentino uniu a paixão ao empreendedorismo e abriu uma empresa especializada em produzir joysticks personalizados de PlayStation, como conta o jornal Olé.

“Cada controle é único e especial, e nossa missão é assegurar que a individualidade de cada controle seja um elemento decisivo em seu desempenho”, explicou Salvio na abertura de uma nova loja, em Portugal.

Foi lá, inclusive, que a TS Warrior Play nasceu – em 2018, quando o jogador atuava no Benfica – com seu sócio (Hugo Domínguez) e um artista (Hugo Márquez).

“Um dos meus desejos seria poder trazer o a marca para a Argentina”, disse ao jornal argentino. “Aqui (no Boca) todos nós jogamos e a maioria tem os controles da TS... E não só eles, também compram para irmãos, sobrinhos e amigos”.

E não é só no time da Bombonera que a moda pegou, outros argentinos pelo mundo já usam os controles de Salvio, como Paulo Dybala, da Juventus, e Ángel Correa, do Atlético de Madrid.

Voltando à carreira do jogador, Salvio chegou ao Boca em julho de 2019, após passagens por Atlético de Madrid e Benfica, e já se sagrou campeão do Argentino.

Foram 19 partidas disputadas, com nove gols e três assistências.